Curiosidades sobre a lua

Paulo Lima 28/08/2012 Entretenimento

Mesmo após várias expedições e estudos, a lua continua despertando a curiosidade de leigos e pesquisadores. O satélite natural da Terra, que durante a Guerra Fria foi alvo de disputa entre americanos e soviéticos (no total, foram seis expedições tripuladas, realizadas entre 1969 e 1972), ainda levanta algumas dúvidas, o que talvez só alimenta o interesse das pessoas em conhecê-lo mais a fundo.

Mesmo após anos de estudos e expedições, a Lua continua sendo alvo de várias perguntas. (Foto: divulgação)

Por isso, separamos algumas curiosidades que vão lhe ajudar a ampliar os seus conhecimentos sobre o assunto. São esclarecimentos baseados nos questionamentos feitos pela maioria da população. Confira!

Veja também: Saiba mais sobre a superlua.

Curiosidades sobre a Lua

A Lua ainda desperta a curiosidade de leigos e pesquisadores.(Foto: divulgação)

• Ainda não se tem uma teoria definida sobre o surgimento da Lua. Uma das hipóteses é de que ela tenha surgido a bilhões de anos a partir de uma colisão entre a Terra e um corpo do tamanho de Marte.

• A órbita lunar influencia diretamente vários fenômenos que acontecem aqui na Terra, como as marés e as pororocas. Além disso, ela determina os meses do ano e as semanas e é fundamental para a manutenção do equilíbrio da nossa fauna e flora.

• A Lua tem um tamanho seis vezes menor em comparação ao tamanho da terra, mesma proporção em relação à aceleração gravitacional, que lá é de 1,62 metros por segundo ao quadrado. Além disso, vale destacar que ela está a 384 mil quilômetros de distância do nosso planeta.

• Em 2009, a NASA (Agência Espacial Norte Americana) confirmou a presença de água na Lua em quantidade equivalente a 12 baldes, o que abriu um novo capítulo na história de exploração do satélite. A pequena reserva foi encontrada num buraco com 20 metros de profundidade.

Confira: Planeta Terra ao vivo imagens via satélite.

A origem do satélite natural da Terra ainda é um mistério para os cientistas.(Foto: divulgação)

• De acordo com os pesquisadores, caso a Lua tivesse uma densidade gravitacional diferente, a Terra também não seria a mesma. Isso porque fatores como tamanho e gravidade influenciam as marés, que estão diretamente ligadas ao ciclo de vida no nosso planeta. Ou seja, tudo está em perfeita sintonia para que a vida terrestre permaneça em equilíbrio.

• Além de determinar as marés e de influenciar o ciclo de vida terrestre, a Lua ainda tem o papel de proteger o nosso planeta, atraindo cometas e asteroides.

Desde a última expedição tripulada para a Lua, realizada em 1972, as agências especiais optaram por enviar sondas. Além de serem mais baratas e evitarem risco à vida humana, elas permitem a coleta de dados mais precisos. Agora é esperar para que os futuros estudos possam trazer mais informações sobre o satélite.

Outros artigos

10 dicas para jogar Pokémon Go no Brasil

22/07/2016

10 dicas para jogar Pokémon Go no Brasil

Para quem era fã de Pokémon na década de 90, o momento é de felicidade. O desenho japonês voltou a ser uma febre mundial, só que desta vez na tela do smartphone, atr...