Cuidados para fazer alisamento de cabelos em crianças

Em nome da beleza, muitos pais têm feito de tudo para deixar os filhos cada vez mais na moda, o que pode ser um…

Por Andre em 07/02/2012

As crianças também viraram frequentadoras assíduas dos salões de beleza

Em nome da beleza, muitos pais têm feito de tudo para deixar os filhos cada vez mais na moda, o que pode ser um verdadeiro perigo para a saúde dos pequenos, principalmente se o alisamento de cabelos com produtos químicos estiver envolvido. O tratamento estético para deixar os fios mais soltos e vistosos muitas vezes envolve produtos que são proibidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), já que fazem mal até para os adultos, por isso mesmo é preciso ficar atento.

Inspiradas por personagens que aparecem em novelas e filmes ou por jovens celebridades do mundo da música, as crianças de 7, 8 e 9 anos de idade, não só as meninas mas também os meninos, acabam insistindo com os pais para que os levem ao cabelereiro, para ficar com um visual pelo menos parecido ao do seu ídolo.

O que os pais muitas vezes não sabem é que o alisamento de cabelos não é recomendado para as crianças, que possuem um fio capilar menos resistente que o de adultos. Com isso, a absorção dos produtos químicos é muito maior, aumentando os riscos de uma reação alérgica, entre outras probabilidades, como o surgimento de feridas no couro cabeludo.

Alternativas

A escova normal, sem produtos químicos, pode ser feita em crianças

Para as crianças que não estão satisfeitas com o seu tipo de cabelo, e que querem mudar o visual a todo custo, existem algumas alternativas aos processos químicos de alisamento das madeixas, com menos ou nenhum risco para a saúde delas.

É o caso da escova normal, a clássica “escovinha”, como é popularmente conhecida. A técnica envolve apenas o uso de uma escova e de um secador de cabelos, e pode ser feita em casa mesmo, assim como as pranchas alisadoras, a famosa “pranchinha”. Nestes casos, é preciso cuidado para não queimar a criança, com as altas temperaturas do secador e também da prancha.

Outra alternativa para as crianças que querem diminuir o volume dos cabelos é o uso de cremes para pentear (leave-in), hidratante, shampoo e condicionadores especiais para os cabelos mais jovens, lembrando de verificar se eles não possuem algum componente perigoso para as crianças em sua fórmula.

Cuidados

De acordo com a Anvisa, o uso de produtos químicos para alisar os cabelos de menores de 12 anos não é recomendado. Além de prestar atenção neste detalhe, os pais devem verificar se o profissional é realmente qualificado para a aplicação dos produtos no cabelo e, se for o caso, levar a filha ao dermatologista, para verificar sobre possíveis alergias ao produto que será aplicado.

No caso de usar cremes ou outros produtos para reduzir o volume das mechas infantis, verifique se o produto é adequado para as crianças. Uma lida no rótulo ou uma conversa com profissional especializado pode lhe tirar as dúvidas.

Os pais devem ficar atentos aos produtos que são passados nos cabelos das crianças

Top