Cuidados necessários para piercings

Os piercings são adereços que estão cada vez mais populares entre as pessoas. No entanto, antes, durante e depois da sua colocação, eles necessitam…

Os piercings são adereços que estão cada vez mais populares entre as pessoas. No entanto, antes, durante e depois da sua colocação, eles necessitam de cuidados especiais, de modo a evitar qualquer risco à saúde do indivíduo. Conheça abaixo alguns cuidados necessários para piercings.

Conheça alguns modelos de piercings para língua.

Independnete do tipo de piercing, é ideal que o indivíduo tenha alguns cuidados de higienização. (Foto: divulgação)

Escolhendo o material ideal

São diversos os tipos de piercings disponíveis no mercado. No entanto, a escolha pelo material a ser utilizado, dependerá da aceitação do organismo de cada indivíduo. Dentre os existentes, os mais indicados são os fabricados com aço cirúrgico e o de ouro, por serem mais hipoalergênicos (desencadeiam menos processos alérgicos).

Conheça quais são os cuidados necessários para cada tipo de piercing

Os cuidados com os piercings são praticamente os mesmos, independente do local utilizado. Entre eles podemos citar:

  • A higienização local deve ser redobrada;
  • O indivíduo pode optar pelo uso de pomadas cicatrizantes para colaborar com uma boa cicatrização da ferida local;
  • Em alguns casos, os especialistas podem indicar o uso de antibióticos, de forma a evitar qualquer processo infeccioso;
  • Antes de tocar o adereço, é ideal lavar as mãos, de preferência com sabonetes antissépticos;
  • No caso de piercings na língua, o individuo deve realizar bochecho com antisséptico bucal sempre após as refeições;
  • Durante o processo cicatrizante, o indivíduo deve evitar o banho de mar, de piscina e o excesso de luz solar;
  • Evite o uso de roupas justas e sintéticas que possam ficar em contato com o piercing. Isso porque elas dificultam a respiração da pele, impedindo a boa cicatrização local.
Leia Também:  Objetos garimpados na decoração: dicas

Vale ressaltar que diante de qualquer sinal e sintoma de infecção, busque a orientação de um especialista.

Após colocar piercings no umbigo, o indivíduo deve evitar o uso de roupas apertadas. (Foto: divulgação)

Saiba quais são os riscos envolvidos com o uso de piercings

O risco do indivíduo contrair uma infecção no local do adereço, devido às más condições de higiene, é imenso. Em outros casos, o indivíduo pode manifestar um quadro de alergia no local do piercing. Além disso, existem os riscos relacionados a cada tipo de piercing, conheça abaixo alguns exemplos deles.

  • Piercing na orelha – por ser um local de baixa vascularização, pode ocasionar deformação da cartilagem, exigindo uma plástica reparadora futura;
  • Piercing no nariz – a haste interna desse adereço pode machucar o septo nasal, ocasionando a formação de queloide;
  • Piercing no umbigo – o adereço pode ocasionar a inflamação local, favorecendo a formação de um cisto que, em alguns casos, devem ser retirados cirurgicamente;
  • Piercing na língua – esse adereço pode ocasionar desgaste na parte interna dos dentes, interferindo na arcada dentária do indivíduo.

    Os piercings na língua merecem cuidados de higiene especiais. (Foto: divulgação)

Muitas pessoas recorrem à colocação de piercings para embelezar os corpos. Porém, esses adereços necessitam de cuidados especiais, principalmente, em relação a sua higienização, para evitar qualquer consequência a saúde do indivíduo.

Conheça alguns modelos para piercings no nariz.

 

Top