Cuidados indispensáveis com as unhas

Cuidados com a alimentação,  pele, cabelos e com a saúde, em geral, é uma necessidade básica do ser humano. Cuidar-se é uma forma de se sentir bem e feliz consigo mesmo.

Um aspecto que para muitos é apenas detalhe, mas que na verdade, é uma das maiores evidências de cuidado ou desleixo de qualquer pessoa são as unhas.

Unhas mal cortadas, desidratadas, sujas, com esmalte lascado etc., levam  seu look por água abaixo. Atente às dicas de como cuidar corretamente delas.

Unhas

As unhas são formadas por células que morrem e  são empurradas por células novas. Enquanto é empurrada, ela recebe camadas de queratina e outras proteínas, que as fortalecem e dão o aspecto de lâmina. Suas principais funções são proteger a ponta dos dedos e também ajudar na sensibilidade dos mesmos.

As unhas das mãos crescem, em média, três centímetros e as dos pés, um centímetro por mês.

É indispensável!

Limpar: limpeza é tudo em qualquer parte do corpo. As unhas, em especial, uma vez que, a parte mais ‘contaminada’ do nosso corpo são as mãos. É com elas que tocamos o mouse ou o teclado do computador, por exemplo, que é casa para bilhões de bactérias e, é com elas também, que você segura uma fruta ou os talheres quando vai se alimentar. Ou seja, mãos e unhas sujas não dá!

Aparar: Unhas curtas são garantia de menos sujeira e, consequentemente, menos bactérias. Geralmente, as mulheres preferem unhas um pouco mais compridas por questões estéticas, se esse for seu caso, a higiene deve estar em primeiro lugar. Para pessoas que trabalham com produtos alimentícios, unhas compridas são proibidas, fique atento.

Lixar: É importante para igualar as pontas de modo que não arranhem ou enrosquem em superfícies, como tecidos.

Cutículas: Não retire as cutículas. Elas estão lá para proteger as unhas de micro-organismos, que podem prejudicar sua saúde. O correto é hidratá-las com cremes específicos, para que não cresçam demais e nem fiquem lascadas.

Unhas dos pés: Os mesmos cuidados que tiver com as unhas das mãos,  se deve ter às dos pés. Procure não cortar demais nem retirar os cantos, para que não encravem. Use uma tesoura própria ao invés do cortador convencional, assim o processo será mais simples.

Procure usar sapatos abertos e bem arejados o máximo que conseguir, para evitar abafar demais as unhas e também o acúmulo de bactérias.

Por fim, não roa as unhas de jeito nenhum! Esse péssimo hábito pode comprometer sua saúde. Engolir pedaços de unhas pode fazer com que eles se acumulem no intestino e que cheguem a perfurar o apêndice.

Qualquer anomalia percebida nas unhas, procure um podólogo.

Seguindo essas dias suas unhas ficam bonitas e saudáveis sempre.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Reply