Cuidados com os analgésicos

Cuidados com os analgésicos com certeza vão fazer a diferença na sua saúde. Quando você está com dor de cabeça faz o que? A…

Cuidados com os analgésicos com certeza vão fazer a diferença na sua saúde. Quando você está com dor de cabeça faz o que? A maioria das pessoas vão responder que simplesmente vão lá e compram um analgésico, tomam e fica tudo certo. Mas, na verdade, essa opção não é algo que vai te ajudar. Exagerar no consumo de drogas (mesmo as que são liberadas, como os analgésicos), com certeza não faz nada bem para a nossa saúde.

Cuidados com os analgésicos (Foto: Divulgação)

Leia mais informações sobre: Overdose de analgésicos: saiba mais

Cuidados com os analgésicos

Cuidados com os analgésicos na hora de decidir se vai consumir ele ou não. As pessoas podem mesmo apostar em remédios, mas com prescrição médica, e não todo mês, quando sentem uma dor de cabeça, sem ao menos saber porque que estão tomando esse tanto de medicamento e se ele é mesmo recomendado para o mal que sente.

Aposte em medicamentos somente se o médico pedir (Foto: Divulgação)

Paracetamol pode ser falta

O excesso de paracetamol com certeza pode ter consequência fatais. O medicamento é capaz de originar uma overdose difícil de ser detectada a tempo de evitar a morte. A pesquisa publicada na “British Journal of Clinical Pharmacology” pelo médico Kenneth Simpson mostrou dados que apontam esse mal.

Saiba mais informações sobre: Os remédios mais consumidos no Brasil

 

Cuidados com os analgésicos são essenciais para não sofrer com uma intoxicação por alta dosagem (Foto: Divulgação)

Repetidas doses de paracetamol mata

Aquela dor de cabeça chata que não passa pode te causar uma overdose bem forte e fatal se consumir muito o remédio paracetamol. O professor da Universidade de Edimburgo e também chefe da equipe de transplante de fígado do hospital universitário, Simpson explicou que as overdoses por meio do consumo excessivo desse tipo de remédio, costumam acontecer quando as pessoas sentem dor e tomam repetidas doses de paracetamol a fim de aliviar os sintomas de males maiores, por exemplo.

Sua saúde me primeiro lugar (Foto: Divulgação)

Dor de cabeça pode ser sintoma de algo maior

A recomendação de não se automedicar é um alerta para que as pessoas não usem de modo desmedido os remédios em casa. Isso porque os sintomas podem ser os mesmo, mas os males bem diferentes, por isso é necessário simplesmente apostar em outros fatores e diferenciais na hora de se tratar com relação a doenças.

Leia Também:  Principais sintomas da gripe H1N1

Top