Cuidados ao fazer uma laje, ao construir sua casa

Ter a casa própria é o sonho de milhões de brasileiros, que ainda dependem de imóveis alugados ou emprestados para morar. Na hora de…

A laje desempenha importantes funções em uma construção

Ter a casa própria é o sonho de milhões de brasileiros, que ainda dependem de imóveis alugados ou emprestados para morar. Na hora de realizar esse sonho, alguns preferem comprar a casa pronta, enquanto outros já partem para uma realização ainda maior, que é a de construir a casa ao seu estilo.

Para aqueles que preferem adquirir um lote e construir a sua casa, é preciso alguns cuidados, como a contratação de um engenheiro e uma boa equipe de pedreiros, entre outros profissionais especializados para a realização do serviço, a fim de evitar que qualquer coisa saia errado e a construção tenha que ser refeita, aumentando os seus gastos.

Durante a construção, é preciso ficar atento a vários fatores, e uma parte em especial que deve receber olhares mais atentos é a laje. As lajes são estruturas planas comuns em casas, edifícios residenciais, prédios comerciais e industriais, cuja função depende do tipo de construção ou da necessidade.

Com relação às casas, as lajes de concreto são a maioria nos lares brasileiros, estando presentes mesmo naquelas casas em que há telhas de barro ou alumínio cobrindo a residência. Nestes casos, a laje funciona como forro para os ambientes e para auxiliar em um melhor isolamento térmico e acústico.

Tipos de lajes

Atualmente, estão disponíveis no mercado vários tipos de lajes, porém as mais usadas são as lajes de concreto, que estão divididas entre maciças e pré-moldadas (pré-fabricadas).

Entre as lajes maciças, que são moldadas no local da obra, há as lajes simples, do tipo cogumelo e nervuradas. Elas são menos suscetíveis a fissuras e trincas, mas por outro lado são mais pesadas e têm um custo mais elevado.

Leia Também:  Três parques tecnológicos devem ser construídos no Rio até 2014

Já as lajes pré-moldadas chegam à obra prontas, sendo compostas por painéis de concreto preenchido com diversos materiais, aumentando a sua resistência. Também são mais fáceis de serem montadas. Elas se dividem entre lajes treliçadas com lajotas cerâmicas; treliçadas com isopor; lajes de painéis treliçados; e lajes alveolares, entre outras.

A escolha da laje que será usada na casa deve ser feita por profissionais que entendem do assunto, levando em conta a qualidade da obra, a durabilidade, a resistência e o dinheiro que pode ser gasto.

Cuidados

Para que a laje fique perfeita e desempenhe as suas funções da melhor maneira, é necessário tomar alguns cuidados básicos, como:

– Respeite o tempo de curagem da laje, que em geral é de sete dias. Isso pode evitar que a laje apresente problemas futuramente, como rachaduras e infiltrações;

– Mantenha o concreto molhado durante a cura, fazendo uma lâmina d’água em toda a superfície da laje. Use uma lona preta para evitar que o sol sequem a laje rapidamente;

– Impermeabilize a laje para ficar livre de vazamentos e infiltrações. Um dos métodos mais usados é a colocação de manta asfáltica, que deve ser feita por profissionais especializados.

A escora da laje deve ser bem feita para evitar abalos na estrutura

 

Após a concretagem, é preciso esperar a laje curar para evitar trincas e infiltrações

Top