Cuidados antes de alugar um imóvel

Alugar um imóvel para morar não é tão simples como parece. Buscar uma imobiliária confiável, folhear os classificados e questionar amigos se existe uma…

Alugar um imóvel para morar não é tão simples como parece. Buscar uma imobiliária confiável, folhear os classificados e questionar amigos se existe uma casa ou apartamento dentro das suas possibilidades para locação é só o primeiro passo para conseguir uma moradia alugada. Quem está passando por esse dilema, e precisa resolver depressa essa situação, mas não quer ter prejuízos e muito menos colocar a família toda em risco, separamos algumas dicas:

Leia mais sobre: Imóveis para alugar

Veja se o custo-benefício vale a pena (Foto: Divulgação)

Verifique o custo-benefício da localização e da estrutura do imóvel

Para não ter problemas a médio e longo prazo com o imóvel alugado a parte estrutural do local deve ser avaliada, de preferência, por um especialista. Contrate um pedreiro ou chame aquele amigo que entende tudo de obras para lhe ajudar nessa tarefa nada simples. A localização também é importante na hora de definir se aluga ou não a casa.

Isso porque se o seu lar for longe demais de seu trabalho e centros comerciais tarefas simples do dia a dia ficam complicadas. Além disso, pode ser que o valor do aluguel, mais os custos de transporte, tornem o negócio inviável no fim das contas, pesando no orçamento mensal. Facilite a sua vida sem esquecer do preço que você pode aplicar em uma moradia alugada.

Saiba mais sobre: Zap imóveis: www.zapimoveis.com.br

Avalie a segurança do lugar antes de assinar o contrato (Foto: Divulgação)

Avalie a segurança do bairro e possíveis taxas de condomínio para definir se vale a pena alugar o imóvel

Avalie as regras, a área de lazer, o espaço comum, a permanência de animais domésticos, o comportamento dos vizinhos com relação a barulho e atos que possivelmente possam causar problemas de convivência em condomínios (de casas e apartamentos) antes de alugar o seu imóvel. A segurança do bairro também deve pesar na sua decisão, pois de nada adianta colocar sua vida em risco se pode viver em um local com menos incidência de assaltos se não ficar pesado em seu orçamento.

Leia Também:  Saiba como escolher imóvel na planta

Lembre-se também que é de responsabilidade do locatário o custo com o condomínio, porém, reformas e manutenções, mudanças na estrutura do apartamento ou casa, pintura e qualquer pagamento de taxa referente ao imóvel que não forem referentes a serviços prestados, como água, eletricidade e telefone, são obrigações do proprietário do espaço.

Top