Élida Santos 08/02/2013 Carnaval

A maior festa do Brasil, sem sombra de dúvidas, é o Carnaval. A comemoração tem várias vertentes, com mudanças de métodos em cada região do país. Em todo o mundo a alegria do brasileiro é rotulada através dessa comemoração que atrai pessoas em todo o mundo. Pessoas de todas as classes sociais, raças e idades se divertem nesse período que para o Brasil. No entanto, para que a alegria não seja transformada em preocupação e tristeza, quem vai para o Carnaval com crianças deve redobrar os cuidados. Confira abaixo algumas dicas:

Leia mais sobre: Fantasias de Carnaval para crianças – preços

Tenha cuidados redobrados com as crianças (Foto: Divulgação)

Nem pense em levar bebês para a folia

Pode parecer bobagem para alguns reforçar que bebês não devem frequentar festas de Carnaval. Mas alguns pais acham a coisa mais normal do mundo levar crianças de colo para o meio da folia. As consequências disso são muitas: pesadelos e falso terror noturno, insônia, além de possíveis problemas com doenças graças a exposição ao barulho e ao grande número de pessoas.

Crianças identificadas nas festas de Carnaval

Já os maiores, com idade para aproveitar uma matinê de Carnaval devem ser identificados. Saia de casa com a criança já com uma pulseira que conte o seu telefone de contato, nome dos pais, nome no pequeno e outro telefone de contato que não seja o seu se julgar necessário. Esse procedimento é bem simples e pode ajudar a ficar tranquilo com relação a segurança do seu filho no Carnaval.

No Carnaval, veja bem qual fantasia é confortável para as crianças (Foto: Divulgação)

Saiba mais sobre: Como fazer pintura em rosto infantil

Escolha fantasias leves para as crianças

Tudo bem que o seu filho quer ter um dia de Batman ou Barbie, mas não vai contribuir para uma desidratação com a escolha de uma roupa pesada, feita de material grosso, que acabe fazendo o pequeno suar mais. Opte pelas cores claras, tecidos finos e fantasias folgadas. E nos pés coloque tradicionais tênis ou sapatinhos sem salto (no caso das meninas) e com um certo amortecimento e aderência. Acessórios que acabam se soltando no meio da brincadeira também não é legal, eles querem mais é ficar à vontade. Além disso, fique de olho na hidratação deles durante a folia. Ofereça muita água, e doses de suco e refrigerante para que eles não fiquem desidratados.

Cuidado com os perigos típicos da festa de Carnaval

Os confetes e espumas fazem parte do Carnaval, mas podem ser um mal para a saúde dos olhos, principalmente, o que exige muito cuidado. Outro perigo bem tradicional das comemorações carnavalescas é o consumo de bebida alcoólica. Crianças maiores, pré-adolescentes e adolescentes devem ser orientados com relação a isso. Converse com o seu filho para que ele não aceite nada das mãos de estranhos e não deixe o seu copo sobre a mesa sem supervisão. Pessoas mal intencionadas podem colocar drogas como “boa noite cinderela” no refrigerante dele, fazendo muito mal. Todo cuidado é pouco com relação as crianças no Carnaval.

Outros artigos

Curso Gratuito de Genética

30/05/2010

Curso Gratuito de Genética

Está sendo oferecido através do Instituto de Biociências de Rio Claro cursos gratuitos de genética, sendo eles ‘’Formação de Recursos Humanos em Analise Proteomi...

Brad Pitt: altos e baixos da carreira

08/07/2013

Brad Pitt: altos e baixos da carreira

Brad Pitt, além de ser detentor de uma beleza invejável, é um grande ator e produtor cinematográfico nas telinhas. O astro já estreiou mais de cinquenta filmes, que ...

Faculdade de Línguas Estrangeiras

31/07/2011

Faculdade de Línguas Estrangeiras

Hoje em dia as pessoas estão se vendo obrigadas a aprender línguas estrangeiras, principalmente o inglês e o espanhol, afinal seja qual for a sua área de atuação...