Editorial MDT 18/01/2012 Bem Estar

A má-educação da criança pode ser reflexo do comportamento dos seus pais. (Foto: Divulgação)

Às vezes, você olha para o comportamento do seu filho e chega à conclusão de que a sua educação saiu do seu controle. A má educação pode ser o reflexo de várias influências: dos pais, dos parentes próximos, de coleguinhas de escola, de programas de TV, de filmes ou da própria internet. No entanto, qualquer que seja a fonte desse comportamento, saiba o que fazer com criança mal-educada.

Os pais são o primeiro ponto de referência da criança. Sendo assim, se você costuma falar palavrões e xingar, essa será a reação dela quando não concordar com algo. Além do mais, se as pessoas começarem a rir desse comportamento, reforçarão que ele é correto e ela continuará agindo dessa forma. Por isso, é importante que você peça a todos que não riam quando o seu filho disser algum palavrão e assim que ele disser uma palavra feia, diga que vai lavar a sua boca com sabão.

Agora, quando ele insistir em querer algo no supermercado ou na loja de brinquedos, chorando, gritando e esperneando, ajoelhe-se na frente dele e pergunte-lhe o que ele quer e por quê. Então, diga-lhe que está sem dinheiro ou que ele só ganhará o brinquedo no Natal ou no aniversário dele. Tudo deve ser dito com segurança, em tom forte e olhando bem nos olhos dele, mas não aos gritos, pois você perderá a razão. Entretanto, se mesmo assim ele continuar pedindo, leve-o do local e converse seriamente com ele sobre o assunto.

Quando a criança fizer birra, converse seriamente com ela. (Foto: Divulgação)

Muitas crianças comportam-se mal apenas para chamar a atenção dos seus pais. Portanto, quando o seu filho estiver fazendo alguma arte, não o repreenda, não grite e nem bata nele, porque nessas horas, um gesto de carinho, uma historinha ou uma conversa sincera podem resolver muito mais. Assim, você acabará com a carência dele e ele ficará calmo e tranquilo sabendo que sempre poderá contar com a sua ajuda.

Para que a criança seja bem-educada, não são necessários gritos, que farão com que ela pense que com o grito conseguirá tudo, palmadas que, além de serem proibidas por lei, humilham e magoam ou castigos sem explicação, que não farão com que ela compreenda o que fez de errado.

Para conversar com o seu filho, ajoelhe-se para estar à altura dele. (Foto: Divulgação)

Desse modo, uma boa educação é reflexo do bom comportamento dos pais, da boa influência dos parentes e da conversa calma e tranquila que demonstre interesse pelo dia da criança. Com esses zelos, será possível ter um futuro adulto seguro, responsável e confiante na sua base familiar.

 

 

 

Outros artigos

Moda da Novela Morde e Assopra

14/07/2011

Moda da Novela Morde e Assopra

Se você é uma daquelas pessoas que gosta de moda com certeza fica de olho naquilo que vê na televisão, não é mesmo? Os programas de TV são uma boa forma de acompanha...

Maquiagem para pele oleosa: cuidados, dicas

27/06/2012

Maquiagem para pele oleosa: cuidados, dicas

Pele oleosa é delicada e precisa de cuidados. (Foto:Divulgação) Como qualquer pele mais delicada a oleosa precisa de cuidados especiais, por isso escolher o cosméti...

Trânsito Agora

17/09/2009

Trânsito Agora

A cidade de São Paulo, em termos de trânsito, é um verdadeiro caos. Com o grande volume de carros que rodam diariamente na cidade de São Paulo nem a lei de Ro...