Creche ou babá: qual a melhor opção?

Editorial MDT 12/01/2012 Bem Estar

Infelizmente, um dia chega a hora de decidir deixar o seu filho em uma creche ou com a babá (Foto: Divulgação)

Você e o seu amado esperaram pelo bebê por 9 meses e você teve a oportunidade de tê-lo em seus braços dias inteiros durante a licença-maternidade. Porém, tudo isso passou e é hora de retornar ao trabalho para dar uma boa vida à sua criança. No entanto, uma dúvida ronda a sua cabeça, “Qual é a melhor opção: deixar o bebê na creche ou com a babá?”

Essa dúvida é muito frequente entre os pais, principalmente os de primeira viagem, e é preciso ponderar cuidadosamente nessa escolha, pois ela será muito importante para o desenvolvimento do seu filho.

Na creche, o seu bebê será cuidado apenas por profissionais especializados, a rotina será sempre a mesma e o perigo de que algum funcionário mal-intencionado maltrate a sua criança será menor, por causa da quantidade de pessoas envolvidas. Além do mais, ela terá contato com outras crianças da mesma idade e brincadeiras e atividades recreativas a ajudarão a desenvolver as suas faculdades físicas e mentais com maior desenvoltura.

Na creche, o seu filho terá funcionários especializados e poderá se socializar com outras crianças (Foto: Divulgação)

Por outro lado, o seu bebê deverá dividir as atenções dos funcionários com os outros bebês, não tendo atenção exclusiva e, por haverem muitas crianças no mesmo local, a proliferação de doenças será maior. E se o seu trabalho exigir horas extras, você terá que encontrar alguém para buscar o seu filho na creche, pois elas têm horários rígidos de abertura e fechamento.

Com relação à babá, ela terá todas as atenções voltadas para o seu bebê e saberá exatamente o que ele precisa com o passar do tempo. Além disso, você poderá conversar com ela a respeito de horas extras, caso você precise voltar mais tarde do trabalho.

Com a babá, todas as atenções serão voltadas apenas para ele (Foto: Divulgação)

Entretanto, a babá poderá interferir na educação da sua criança, pois ela será a primeira referência dele por passar mais tempo com o pequenino. Por isso, uma conversa séria sobre o que você espera dela será necessária na hora da contratação, mostrando os seus limites nessa interferência. Sendo assim, antes de contratar uma babá, verifique as suas referências e converse bastante com ela, porque assim você descobrirá se ela é uma pessoa paciente, amável e confiável.

Para cada tipo de família, uma opção é a melhor. As creches são mais indicadas para pessoas que têm horários fixos de trabalho e que procuram dar uma educação independente ao seu filho, enquanto a babá é a melhor opção para os casais que chegam tarde em casa e que preferem a comodidade de ter sempre alguém por perto para ajudá-los.

Outros artigos

Modelos de sapatilhas para verão 2015

18/09/2014

Modelos de sapatilhas para verão 2015

Os modelos de sapatilhas femininas para verão 2015 estão lançando tendências de moda. Eles valorizam diferentes estilos, indo desde o mais simples até o mais sofisti...

Famosas engajadas em causas sociais

24/04/2012

Famosas engajadas em causas sociais

O engajamento social nada mais é que a realização de atividades espontâneas em prol de causas comunitárias e sociais, sem vínculo lucrativo. Em resumo, trata-se de u...

Mel – Pode Manter a Jovialidade?

26/08/2008

Mel – Pode Manter a Jovialidade?

Por possuir vitamina C (antioxidante) potássio e mineral (hidratam a pele), o mel é um ingrediente que deve estar presente na hora de incrementar máscaras embele...