Você está em: MundoDasTribos > Bem Estar> Corrimento vaginal: como evitar

Corrimento vaginal: como evitar

O corrimento vaginal é um problema que pode trazer prejuízos para a saúde feminina. Geralmente, aparece acompanhado de coceira ou ardência e pode se apresentar com uma aparência esbranquiçada. Nesse caso, pode ser sintoma de candidíase, uma infecção que tem como causa um fungo.  Porém, o corrimento também pode ser de cor amarelo-esverdeada, o que pode ser indicativo de outras doenças também. Para evitar corrimento vaginal, algumas medidas preventivas podem ser tomadas pelas mulheres. Saiba quais são:

Dê preferência a calcinhas de algodão (Foto: divulgação)

Corrimento vaginal: como evitar

Nem sempre a umidade na vagina pode significar que há um problema de saúde. É comum que no período da ovulação uma secreção sem cheiro e com aspecto semelhante à clara de ovo seja expelida pela vagina. Essa secreção não provoca ardência e o volume pode variar com o uso de anticoncepcionais ou outros remédios. Para não correr o risco de ter esse problema, existem algumas dicas para evitar corrimento vaginal que você pode seguir como utilizar calcinhas de algodão, por exemplo. Melhor que os tecidos sintéticos, o algodão oferece menos chance para a proliferação de micro-organismos.

Evite usar roupas apertadas (Foto: divulgação)

Dicas para evitar corrimento vaginal

Especialistas dizem que o calor excessivo na região vaginal também pode provocar o aparecimento de fungos. Por isso, uma sugestão é não usar calcinha para dormir e evitar peças de roupa apertadas, uma vez que elas também fazem com que o calor seja maior.  Outras dicas para não ter corrimento vaginal incluem utilizar sabonetes íntimos na hora de tomar banho para que a flora vaginal se mantenha em equilíbrio e não se esquecer de se secar bem os pelos pubianos após o banho, para que não haja umidade excessiva na vulva.

Consulte seu médico quando perceber algo anormal (Foto: divulgação)

Existem outras maneiras de evitar corrimento vaginal como atentar-se para a lavagem adequada das calcinhas, por exemplo. O ideal é usar sabão de coco ou neutro e evitar água sanitária e amaciantes. Uma alimentação adequada também ajuda a evitar esse e outros problemas de saúde, e caso, perceba que há algum sintoma anormal, marque uma consulta com o ginecologista.

Leia mais: Corrimento vaginal: quando se preocupar

Corrimento Até Aonde é Natural e Quando é Um Problema de Saúde

Recomendado para você
Bem Estar

Planos de saúde do Banco do Brasil

Bem Estar

Clínica para dependentes químicos gratuita

Bem Estar

Tendências de tatuagens masculinas para 2018 (mais de 100 fotos incríveis)

Bem Estar

Como organizar uma excursão?

Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *