Copa aumenta renda de garotas de programa no Rio

A Copa do Mundo de 2014 está mudando a vida econômica de muitas pessoas em cidades que estão recebendo seleções. Porém, nem tudo são…

A Copa do Mundo de 2014 está mudando a vida econômica de muitas pessoas em cidades que estão recebendo seleções. Porém, nem tudo são flores, já que alguns números alarmantes foram divulgados, como o aumento da prostituição infantil em algumas cidades que recebem jogos da Copa do Mundo.

Saiba mais informações sobre: Revista é acusada de sugerir turismo sexual na Copa do Mundo

 

A Copa do Mundo está dando mais lucro para quem vive da prostituição (Foto: Divulgação)

Copa aumenta renda de garotas de programa no Rio

A rotina em Copacabana, bairro nobre na zona sul do Rio de Janeiro, durante a Copa do Mundo de Futebol de 2014 não mudou somente durante o dia. A vida noturna desse local também anda bem animadinha para quem procura algo a mais. A quantidade de prostitutas que estão “trabalhando” na noite do Rio aumentou muito e em Copacabana mais ainda. A clientela agora tem mais gringos que querem mais que futebol no Brasil.

Prostituição fica mais lucrativa no Rio em tempos de Copa do Mundo (Foto: Divulgação)

Confira informações sobre: Ministério Notifica Sites Por Relacionar O Brasil A Turismo Sexual

Ganhos com prostituição aumentou em 100%

Em uma breve pesquisa é fácil saber que os preços por programa com uma garota no Rio de Janeiro aumentou muito, a ponto das pessoas pagarem R$ 400 por uma noite com uma mulher em Copacabana.

Veja mais informações sobre: Turismo Nos Estados Sede Da Copa 2014

Agora, alguns donos de boates afirmam que algumas dessas moças chegam a receber 100% a mais para sair com um gringo. O preço cobrado pelas prostitutas normalmente só aumenta no Carnaval e varia de R$ 30,00 a hora a até R$ 120,00; mas com a Copa do Mundo o valor varia entre R$ 120,00 e R$ 400,00.

Continuar Lendo  Séries que lidaram com mortes de atores

O turismo sexual é contra a lei e acaba com a imagem do país. A secretaria de turismo do Brasil chegou a pedir para empresas retirarem anúncios com apelo sexual vinculados a Copa do Mundo no Brasil, mas parece que muitos gringos estão em solo tupiniquim pensando em sexo pago mais do que em Copa do Mundo.

Top