Conta salário e conta corrente: quais as diferenças

Devo abrir uma conta-salário ou uma conta corrente? Essa é uma das principais dúvidas que atingem a muitas pessoas que procuram as agências bancárias…

Devo abrir uma conta-salário ou uma conta corrente? Essa é uma das principais dúvidas que atingem a muitas pessoas que procuram as agências bancárias de todo o país, em busca de uma conta bancária para receber e depositar as suas finanças.

Você sabe quais são as diferenças entre a conta-salário e a conta corrente? (Foto: Divulgação)

Antes de mais nada, é necessário saber que a abertura de uma conta-salário só pode ser feita por iniciativa do empregador, que deve possuir contrato firmado ou parceria com a instituição financeira, ou seja, mesmo que você queira, não conseguirá abrir uma conta-salário sem possuir uma carta de apresentação da empresa, solicitando o serviço.

Através dessa parceria, a conta é aberta sem a necessidade de análise de perfil de crédito do funcionário e sem a obrigação da contratação de serviços (por esse motivo não há a cobrança de tarifas), já que se destina exclusivamente ao recebimento de salários, pensões, aposentadorias e similares.

No caso da conta corrente, qualquer pessoa pode solicitar a abertura, passando pela análise de documentação, feita pelo banco. Sendo aprovada a solicitação, o cliente passa a ter direito a uma série de serviços, como depósitos de qualquer natureza, transferências, seguros, cheque, cartão de crédito e financiamentos, entre outros, que são tarifados e cobrados de forma avulsa ou mensalmente.

Para quem quer mudar de banco: Como funciona a portabilidade bancária

Tendo problemas com os bancos? Erros bancários – saiba o que fazer

Outros detalhes sobre a conta-salário

A conta-salário não possui a cobrança de taxas, mas é bastante limitada e só aceita depósitos realizados pelo empregador (Foto: Divulgação)

– Somente o empregador ou a entidade pagadora pode fazer depósitos;

– Não aceita a movimentação por cheques;

Leia Também:  Golpistas se Aproveitam da Turnê de Madonna - Sticky and Sweet

– Não pode ser usada para solicitar empréstimos, cartões de crédito ou financiamentos;

– O salário pode ser sacado nos terminais de autoatendimento ou nos guichês dos caixas;

– Permite apenas um titular;

– Não há a cobrança de tarifas, desde que não sejam ultrapassados alguns limites mensais de saques, fornecimento de extratos e consultas ao saldo (veja as informações no site do Banco Central).

Saiba mais sobre a conta corrente

Já a conta corrente é bem mais abrangente e oferece vários serviços, que são tarifados (Foto: Divulgação)

– A conta corrente pode ter mais de um titular;

– Permite o recebimento de qualquer tipo de depósito, inclusive do salário;

– Possibilita ao cliente fazer aplicações financeiras e ter cheque especial;

– O cliente pode movimentar a conta de diversas maneiras, inclusive pela internet;

– Há a cobrança de tarifas, com o correntista podendo optar por vários tipos de pacotes de serviços;

– Existe a modalidade de conta corrente de serviços essenciais, conhecida também como conta eletrônica, em alguns casos, que é gratuita, reunindo operações básicas, e que obrigatoriamente deve ser disponibilizada pelos bancos.

Top