Conheça os diferentes tipos de farinha

Conheça os diferentes tipos de farinha. A farinha é um ingrediente fundamental em diversas receitas básicas. Muitas pessoas não sabem, mas existem uma grande…

Por Redacao em 11/09/2014

Conheça os diferentes tipos de farinha. A farinha é um ingrediente fundamental em diversas receitas básicas. Muitas pessoas não sabem, mas existem uma grande variedade de tipos de farinha e benefícios como redução de colesterol, perda de peso e etc.  Os tipos variam desde as versões tradicionais, como a de trigo, até outras menos conhecidas, como a de maracujá, berinjela e arroz. Há um determinado tipo de farinha para cada tipo de receita e necessidade.

Conheça os diferentes tipos de farinha - Existem diversos tipos de farinha com diferentes benefícios a saúde (Foto: Divulgação)

Conheça os diferentes tipos de farinha

São diversos tipos e propriedades, conheça os diferentes tipos de farinha:

A farinha de trigo branca é a mais tradicional e é fonte de carboidratos. Se o farelo (estrutura que recobre a semente) não for desprezado no preparo, também de vitaminas do complexo B, zinco e potássio. Há também a versão integral desta mesma farinha, que é mais saudável por ser fonte de fibras.

A farinha de berinjela é altamente rica em fibras, auxilia no trânsito intestinal, reduz a absorção de gordura, promove a sensação de saciedade e até auxilia no funcionamento dos rins. Há também vitaminas A e C, com ação antioxidante, ou seja, que combate radicais livres, substâncias responsáveis pela degeneração das células. É preciso manter uma boa hidratação para aproveitar todos os benefícios dessa farinha.

A farinha de milho preserva uma série de nutrientes importantes que a de trigo dispensa. Como por exemplo as fibras, que ajudam o organismo a eliminar toxinas e manter a taxa de colesterol em níveis adequados. A farinha de milho também contém vitamina A, essencial para a visão e diferenciação dos tecidos. Além disso a vantagem dessa farinha é não ter glúten.

A farinha de centeio contém menor teor de glúten quando comparada a farinha de trigo integral. Essa farinha também possui elementos
que retardam a digestão e diminuem a conversão de açúcar em gorduras. Carboidratos complexos também estão presentes, eles fornecem energia, aminoácidos essenciais, que auxiliam na construção muscular; e minerais, como potássio, importantes para o bom funcionamento do organismo. A farinha de centeio é também fonte de ácido fólico, essencial para a manutenção do sistema nervoso central e na formação de glóbulos vermelhos.

A farinha de aveia é facilmente introduzida no cardápio diário (Foto: Divulgação)

A farinha de cevada contém fibras que ajudam a regularizar o intestino, diminuir o nível de colesterol e equilibrar a glicemia. Ela também
é rica em proteínas, carboidratos e vitaminas do complexo B. O selênio também presente em sua composição, atua como antioxidante,
combatendo radicais livres, e o magnésio promove o relaxamento muscular.

A farinha de arroz é feita sem qualquer processo químico envolvido, ela preserva as mesmas características nutricionais do arroz polido (branco).
Além do amigo, que corresponde a cerca de 90% da matéria seca do arroz, esta farinha não contém glúten e auxilia na prevenção de doenças do aparelho digestivo, do coração e no controle do diabetes, já que possui índice glicêmico baixíssimo.

Fonte de fibras solúveis, a aveia contém alto teor de beta-glucana, que auxilia na diminuição dos níveis de colesterol no sangue. A farinha de aveia ainda é rica em proteínas, vitaminas e mineiras, como ferro, cálcio e magnésio. Outro benefício do alimento é o fato de ele colaborar com o controle do peso, uma vez que suas fibras retardam o esvaziamento gástrico e prolongam a sensação de saciedade, afastando a fome.

Como consumir diferentes tipos de farinhas

A farinha de berinjela é famosa por emagrecer (Foto: Divulgação)

Conheça os diferentes tipos de farinha e também como consumi-las:

  • Berinjela

A quantidade recomendada entre uma a quatro colheres de sopa por dia. O ideal é conversar com seu nutricionista ou médico nutrólogo, que poderão adequar a quantidade desse alimento a sua ingestão de carboidratos e fibras diárias, computando os outros alimentos.

  • Milho
Use farinha de milho no lugar da farinha de trigo em seus alimentos cozidos – farinha de milho finamente moído produz pães com uma textura mais lisa, enquanto o farelo de milho moído grosso proporciona uma textura crocante.
  • Centeio
O centeio é conhecido como ingrediente principal no tradicional pão de centeio e pão preto
  • Cevada

Geralmente encontrada em farelo, a cevada pode substituir a farinha de trigo em receitas de pães, bolos e tortas.

  • Arroz

Pode ser usada para fazer pães, bolos, massas, tortas salgadas, tortas doces, pizzas, salgados e biscoitos.

  • Aveia

É ideal ingerir aproximadamente 75 gramas de aveia por dia para que o organismo possa tirar o melhor proveito possível desse alimento. As formas em que o cereal é encontrado são tão variadas quanto suas vantagens para a saúde. Acrescente duas colheres de sopa de aveia no leite, no iogurte ou sobre frutas, como mamão, banana e abacate.

Top