Concurso Rede Minas TV 2013: inscrição, vagas, edital

Terceira maior emissora de TV pública do Brasil, a Rede Minas, sediada em Belo Horizonte, divulgou o edital de abertura do seu novo concurso…

Por Andre em 03/09/2013

Terceira maior emissora de TV pública do Brasil, a Rede Minas, sediada em Belo Horizonte, divulgou o edital de abertura do seu novo concurso público, que será realizado em dezembro, tendo o objetivo de preencher um total de 203 vagas.

A Rede Minas abriu novo concurso público, para a contratação de 203 profissionais (Foto: Divulgação)

As oportunidades estão divididas entre os cargos de analista de TV, com exigência de nível superior, e técnico de TV, destinada aos candidatos com ensino médio completo (em algumas funções, também é exigida a formação técnica em determinados segmentos).

Os novos contratados através do certame irão substituir antigos funcionários da Fundação TV Minas que não são concursados, uma vez que por força de lei, as pessoas que trabalham na empresa pública devem ter sido aprovadas em concursos. A emissora foi multada recentemente por descumprir a legislação.

☰ CONTEÚDO

Vagas e requisitos

Há vagas para profissionais formados no ensino médio, cursos técnicos e ensino superior (Foto: Divulgação)

Para disputar as 114 vagas oferecidas para o cargo de técnico de TV, cujo salário inicial é de R$ 1.273,00, será exigido o diploma de nível médio. Os profissionais irão desempenhar atividades como apoio administrativo, operação de mesa de corte de vídeo, edição de áudio, edição de videotape, design e operação de câmera, entre outras.

Em algumas funções disponibilizadas no concurso Rede Minas 2013, será cobrada também a formação em curso técnico, como no caso das atividades de locução (registro profissional de radialista), maquiagem (curso técnico em maquiagem) e produção de moda (curso técnico em moda).

Já para as 89 oportunidades disponibilizadas na função de analista de TV, com remuneração inicial de R$ 2.183,00, os concorrentes devem apresentar diploma de curso superior em área correspondente ao cargo desejado. As vagas estão distribuídas pelos departamentos de administração, contabilidade, direção de arte, conteúdo para internet, fotografia, edição e roteiro audiovisual, entre outros.

Dessa forma, podem se candidatar os graduados em Jornalismo, Publicidade, Relações Públicas, Design Gráfico, Ciências Contábeis, Biblioteconomia, Ciência da Informação, Computação e Engenharia de Computação, entre outras graduações. Também há vagas específicas para profissionais formados em qualquer curso superior.

Inscrições

Todas as oportunidades são para a sede da emissora, em Belo Horizonte (Foto: Divulgação)

As inscrições para o Concurso Rede Minas TV 2013 poderão ser efetuadas entre os dias 16 de setembro e 16 de outubro, através do site www.gestaodeconcursos.com.br. A taxa de inscrição custa R$ 60,00 para técnico de TV e R$ 80,00 para analista de TV.

Os candidatos que não puderem arcar com o valor da inscrição terão a opção de solicitar a isenção da taxa, fazendo o pedido entre os dias 9 e 13 de setembro, por meio da página da Gestão de Concursos.

Outra informação importante é que os candidatos que estiverem sem acesso à internet terão dois postos de atendimento presenciais à disposição, onde poderão utilizar computadores para efetuar a inscrição e equipamentos para imprimir o boleto bancário da taxa.

Os locais, situados na capital mineira, são:

– sede da FUNDEP, que fica na Avenida Antônio Carlos, 6.627, Unidade Administrativa II, 3º andar, campus Pampulha da UFMG. Horário de atendimento: das 9h às 11h30 e das 13h às 16h30, nos dias úteis;

– sede da Rede Minas, localizada na Avenida Nossa Senhora do Carmo, 931, Sion. Horário de atendimento: entre 9h e 11h30 e das 13h às 16h30, nos dias úteis.

Processo seletivo

O processo de seleção do concurso público da Rede Minas abrangerá quatro etapas. A primeira delas, prova objetiva, está programada para o dia 1º de dezembro e é direcionada a todos os cargos.

Para algumas funções, os candidatos deverão ainda fazer prova dissertativa, que consiste na segunda etapa; prova prática, que compõe a terceira fase; e análise de títulos, que é a quarta etapa.

Top