Concurso PF: dicas para estudar

A Polícia Federal (PF) está com inscrições abertas até o dia 3 de abril para o concurso público que pretende preenche 100 vagas de…

A preparação é essencial para ser aprovado em um concurso público (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal (PF) está com inscrições abertas até o dia 3 de abril para o concurso público que pretende preenche 100 vagas de papiloscopista e 500 de agente. Para se inscrever basta acessar o site do Cespe e preencher a ficha. Os dois cargos exigem nível superior em qualquer área. Quem possui algum curso de tecnólogo completo também pode se inscrever. O salário dos cargos é de R$ 7.514,33 para jornada de trabalho de 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva. Se você se interessou por esse concurso ou quer se preparar para o próximo da Polícia Federal veja algumas dicas:

Rotina de estudos

Se você planeja participar da seleção que está em aberto para Polícia Federal comece a estudar imediatamente. Para quem já vem se preparando baseado nas provas anteriores aplicadas para o mesmo cargo, saiba que não houve muitas mudanças. As questões de legislação especial e noções de identificação para papiloscopista passou a ser exigida e mudou o foco da economia para o cargo de agente. Priorize os tópicos novos e leia o edital atentamente para entender o que realmente cairá na avaliação.

Crie uma rotina de estudos (Foto: Divulgação)

Planejamento

Alguns materiais para estudo como apostilas e provas anteriores estão disponíveis na internet, basta fazer uma busca detalhada. Depois de separar os itens essenciais para que o seu estudo seja um sucesso, crie um cronograma com os horários disponíveis para estudo. Como está em cima da hora cada minuto é importante. Evite sair durante o final de semana (até o concurso acontecer) e estude todos os dias no mínimo duas horas, porém com intervalos entre curtos entre uma disciplina e outra, para não ficar sobrecarregado. Monte uma planilha com todas as matérias que tem para estudar e distribua no decorrer da semana entre o seu tempo destinado a preparação para o concurso público.

Teste físico

Estudar a matéria teórica não basta, tenha foco nos testes físicos, que devem acontecer nos dias 23 e 24 de junho. Na hora de fazer o planejamento inclua um tempo específico para a preparação física. É comum ver histórias de pessoas que foram aprovadas na avaliação escrita, porém não conseguiram fazer os testes físicos por falta de preparo.

Na hora da prova se concentre para não responder questões erradas (Foto: Divulgação)

Na prova

Por fim, chegou a hora de pensar na prova. Cada marcação errada contará 1 ponto negativo no concurso público da Polícia Federal. Por isso, é preciso atenção para não marcar muitas perguntas em que o candidato esteja com dúvidas. Você pode deixar algumas questões em branco, lembrando que a nota de corte é de 36 acertos dos 120 itens.


Top