Como usar esmalte sem prejudicar as unhas

As unhas são uma preocupação de 99% das mulheres, não é a toa que o Brasil é um dos países que mais vendem produtos…

Por Editorial MDT em 19/12/2012

As unhas são uma preocupação de 99% das mulheres, não é a toa que o Brasil é um dos países que mais vendem produtos voltados a beleza em todo o mundo. A indústria cosmética brasileira conta com uma infinidade de marcas de esmaltes e cada uma delas conta com dezenas de vidrinhos coloridos que simplesmente encantam as mulheres, que combinam com seu estilo, suas roupas, entre outros e por isso se tornam um complemento no visual.

Como usar esmalte sem prejudicar as unhas (Foto: Divulgação)

 

Dicas de como esmaltar as unhas sem prejudicá-las

Conheça algumas dicas de como usar esmalte sem prejudicar as unhas:

Ao passar um esmalte, o ideal é usá-lo por vários dias, até retirar o produto e passar outro. Muitas pessoas têm o costume de trocar o esmalte diariamente, e o problema é que para remover um e passar outro deve-se usar um removedor ou acetona, produtos que acabam enfraquecendo as unhas se usados constantemente.

Apesar de muitas pessoas acreditarem que a unha deve ficar alguns dias sem esmalte, para poder respirar, isso é apenas um mito. Ao contrário da pele e cutículas, a unha é composta por células mortas, ou seja, passar ou não passar esmalte é algo totalmente indiferente.

Cuidados rápidos para as unhas: dicas

Nunca compartilhe lixas e outras ferramentas de unhas. (Foto: Divulgação)

Ao remover o esmalte, procure reparar bem nas unhas, verifique se há alterações, manchas, machucados, rachaduras, entre outros. Muitas vezes os esmaltes escondem doenças das unhas.

Bases fortalecedoras para unhas devem ser usadas, mas não em excesso. Antes de investir em um produto deste tipo, é necessário descobrir a raiz do problema. Muitas vezes uma unha fraca vem de uma dieta pobre em vitaminas, o que no futuro pode causar problemas muito mais sérios à saúde. A base fortalecedora ainda pode provocar irritação e alergia nas cutículas.

Evite esmaltes que contenham substâncias alérgenas, como o famoso tolueno, presente em produtos de diversas marcas. Ao comprar um esmalte, procure pelo selo da ANVISA antes mesmo de se apaixonar por aquela cor maravilhosa.

Esmaltes escuros não deixam as unhas mais fortes ou amareladas, isso é apenas um mito que acabou ganhando força ao longo dos anos, portanto, se sua unha ficar com uma cor diferente, procure um dermatologista e descubra a raiz do problema.

Unhas não precisam de descanso entre um esmalte e outro. (Foto: Divulgação)

Esmaltes cintilantes causam mais alergias do que os comuns. Os esmaltes cintilantes contam com uma composição mais agressiva, que geralmente levam o pigmento mica, uma substância que causa alergias com maior facilidade, principalmente nas pessoas que já possuem uma pele um pouco mais sensível.

 Como usar lixas sem prejudicar as unhas

Top