Como saber se uma ferida está infectada

Como saber se uma ferida está infectada

Um machucado deve ser adequadamente tratado, de forma a evitar uma possível infecção. No entanto, mesmo seguindo os cuidados necessários, muitas feridas acabam infectando,…

Por Editorial MDT em 04/09/2013

Um machucado deve ser adequadamente tratado, de forma a evitar uma possível infecção. No entanto, mesmo seguindo os cuidados necessários, muitas feridas acabam infectando, ocasionando muito incômodo ao indivíduo. Aprenda a reconhecer quando uma ferida está infectada.

As feridas podem infectar, apresentando características específicas do problema. (Foto: divulgação)

Definição de ferida infectada

Uma ferida infectada é o resultado da penetração de bactérias na mesma. Em geral, quando a ferida infecta, ela tem dificuldade em cicatrizar, permanecendo um longo período com o processo inflamatório ativo. De acordo com estudos, as feridas que mais infectam são as lesões abertas, como por exemplo, os cortes, as picadas, as mordidas de animais e as queimaduras. É importante mencionar que quando uma ferida infectada não é tratada adequadamente, pode provocar lesões ao tecido saudável ao redor, tornando-se uma ferida crônica.

Causas relacionadas à infecção das feridas

Conheça abaixo algumas causas que levam as feridas a não cicatrizarem e aumentarem a  chance de infectar. São elas:

  • Sistema imunológico (de defesa) debilitado;
  • Indivíduos portadores de diabetes;
  • Uso de medicamentos que deprimem o sistema imunológico, como os corticoides;
  • Idade avançada;
  • Excesso de peso;
  • Pressão constante no local das feridas;
  • Falta de higiene com as feridas;
  • Dieta desequilibrada;
  • Circulação sanguínea deficiente no local da ferida.

    Diante de uma infecção importante, o médico pode indicar o uso de antibióticos. (Foto: divulgação)

Aprenda a reconhecer uma ferida infectada

No geral, uma ferida que está infectadacostuma ser muito dolorosa e a pele ao redor, costuma apresentar-se quente, avermelhada e inchada. Quando a infecção está em um estágio mais avançado, é possível observar a secreção de uma coloração esverdeada, conhecido como pus. Em casos raros, a ferida pode apresentar as mesmas características, porém não há  exteriorização das secreções, ocorrendo a formação de um abscesso.

Diagnosticando o problema

Diante dos sinais e sintomas de uma possível ferida infectada, é importante buscar a orientação de um especialista. Através da avaliação médica, ele poderá realizar análises do sangue ou coleta direta das amostras da secreção da ferida, para cultura. Isso, ajudará o especialista a determinar o tipo de infecção e estipular um tratamento específico.

Tratamento das feridas infectadas

O tratamento das feridas infectadas visa o controle dos sinais e sintomas do quadro infeccioso. Para esse objetivo, o médico pode orientar as seguintes condutas:

  • Uso de compressas quentes no local da ferida;
  • Manter uma alimentação saudável;
  • Diminuição da pressão exercida sobre a ferida;
  • Abandonar o vício do cigarro;
  • Indicar o uso de antiinflamatórios, antibióticos e analgésicos.

    Pressão constante no local da ferida, pode ocasionar infecção no local. (Foto: divulgação)

As feridas infectadas podem ser um problema muito grave e que merece tratamento imediato. Após conhecer mais sobre os sintomas e o tratamento do problema, é importante buscar a orientação de um especialista o quanto antes, para evitar futuras consequências.

Top