Como saber se um site é falso

Navegar na internet pode ser tão perigoso quanto circular pelas ruas de um bairro violento durante a madrugada, ou seja, a qualquer momento, você…

Por Andre em 21/02/2012

Existem alguns complementos para os navegadores que ajudam na identificação de sites falsos

Navegar na internet pode ser tão perigoso quanto circular pelas ruas de um bairro violento durante a madrugada, ou seja, a qualquer momento, você pode ser assaltado. Para evitar cair nestas armadilhas, é importante saber se o site que pretende acessar é realmente verdadeiro.

As facilidades proporcionadas pela rede mundial de computadores são imensas. Através dela, podemos ter acesso a notícias do mundo inteiro, conversar com pessoas de todos os lugares, comprar qualquer tipo de produto, marcar consultas médicas, comprar ingressos para shows, cinema e jogos, comprar passagens, pedir comida e realizar transações bancárias, entre outros procedimentos.

Para aproveitar bem todas essas funcionalidades, é preciso tomar alguns cuidados, para não acessar um site falso, onde o seu computador poderá ser infectado com vírus ou programas de roubo de dados, situações que podem causar sérios prejuízos financeiros e até mesmo morais, com o roubo de informações pessoais.

☰ CONTEÚDO

Phishing

Os sites de bancos estão entre os mais visados pelos criminosos virtuais

A palavra phishing é usada para caracterizar essas fraudes eletrônicas, tão comuns hoje em dia. Através de e-mails, mensagens de Orkut, Facebook e outras redes sociais, ou até mesmo em uma simples pesquisa por determinado assunto em sites de busca, recebemos links que nos levam a páginas cheias de perigo.

Elas podem ser clones de sites de bancos, empresas de cartão de crédito, lojas, Receita Federal, SPC/Serasa ou páginas de envio de cartões online, e como a semelhança é grande, muitos internautas acabam caindo no golpe e entregando de bandeja muitas informações sigilosas.

Identificando sites falsos

Uma boa maneira de saber a veracidade do site é comparando o link com o endereço para o qual ele realmente leva

Atualmente, muitos navegadores já trazem programas para detectar se o site que está sendo visitado contém algum tipo de perigo ou se é falso. Mas nem sempre eles funcionam, por isso não se deve confiar totalmente neles. Os antivírus também realizam essa função, daí vem a importância de manter o seu sempre ativado e atualizado.

Existem ainda vários programas que são capazes de identificar sites que falsos, compatíveis com os navegadores mais usados, como Internet Explorer, Chrome, Mozilla Firefox e Safari, bastando instalá-los no computador. Alguns dos mais conhecidos são o Web of Trust, McAfee SiteAdvisor e Personal Block.

Dicas

Preste atenção ao certificado digital do site

Além do uso destes programas e complementos, você pode seguir outras dicas para saber se um site é falso. No caso de receber algum link por e-mail, o mais indicado é não abrir a mensagem, mas caso a curiosidade não permita, passe o curso sobre o link (sem clicar) e confira na barra do navegador (na parte de baixo) se os endereços realmente conferem. Se não conferir, não abra o site.

Na hora de realizar transações bancárias ou fazer compras, verifique se o endereço do site começa com “https://”. O “s” em questão simboliza que a transação é segura. Aliado a isso, devem aparecer na página as inscrições “Internet Segura” e/ou “Site Seguro”, e um pequeno cadeado, que são selos do certificado digital de segurança SSL.

Outra coisa que você fazer é verificar se a empresa dona do site fornece telefone, endereço e CNPJ, e entrar em contato com ela ou pesquisar na página da Receita Federal para saber se os dados são verdadeiros.

Top