Como retirar mofo de móveis e paredes

Quando um ambiente tem pouca insolação e não é arejado, ele fica vulnerável a ação do mofo. Esta praga normalmente aparece nos móveis e paredes, mas também pode afetar roupas e calçados. Além de prejudicar a aparência das peças com manchas, o bolor também é responsável por causar um cheiro desagradável.

Truques de limpeza ajudam a se livrar do bolor. (Foto:Divulgação)

O mofo é um fungo, por isso ele decompõe a matéria orgânica. Ele costuma se instalar em qualquer lugar que possa se transformar em uma fonte de alimentos, como madeira e tecido.

Saiba mais: Como evitar ácaros e mofo no inverno

Como remover mofo dos móveis?

Se o mofo está dominando a estrutura de um móvel, é necessário tomar providências o quanto antes, do contrário, a peça pode ser danificada. No caso da madeira, por exemplo, a permanência do fungo por muito tempo faz o material apodrecer e dificulta uma possível restauração.

Assim que o morador descobrir que um móvel está tomado por mofo, ele deve expor a peça ao sol. Também é fundamental remover a camada de bolor que se formou na madeira ou no estofado. Para fazer esta primeira etapa da limpeza, é preciso usar uma esponja ou escova seca.

O vinagre branco é um grande aliado na limpeza dos móveis. (Foto:Divulgação)

Depois de remover a camada mais grossa de mofo, é necessário passar um pano umedecido com vinagre de álcool. O móvel deve secar completamente. A técnica pode ser repetida periodicamente para prevenir o aparecimento de bolor.

O vinagre só não pode ser usado em excesso para remover o mofo da poltrona ou do estofado do sofá. Esta recomendação é válida porque o produto de limpeza pode causar desbotamento do material.

Outros truques caseiros podem ser colocados em prática se o mofo estiver dentro do armário. Adicionar um pote com giz escolar dentro do móvel é uma forma de combater a umidade que causa o bolor.

Como remover mofo das paredes?

Quando o mofo está em seu estágio inicial na parede, o local pode ser limpo com uma solução de água e vinagre branco. Para esfregar a área, vale a pena contar com a ajuda de um pano.

Em alguns casos, o mofo compromete totalmente a pintura da parede. (Foto:Divulgação)

Outra solução que pode ser útil na limpeza das paredes mofadas é preparada com água morna, detergente e bactericida.

Se o bolor já comprometeu a pintura da parede, causando o desgaste da tinta e do reboco, é necessário investir em um novo acabamento. Primeiro o morador precisa remover a tinta com uma máquina lixadeira e aplicar um impermeabilizante. Com a parede preparada, basta fazer uma nova pintura.

A ajuda de um profissional para resolver o problema de mofo nas paredes só é necessária quando há uma infiltração. A umidade contínua faz o reboco desagregar e solta pedaços da tinta.

Veja também: Cuidados para manter a casa sem mofo, fungos e bactérias

Reply