Como reaproveitar móveis antigos

Os móveis antigos, que seriam descartados ou vendidos, podem ser reaproveitados na decoração. Eles ajudam a montar ambientes com uma estética mais personalizada, além…

O móvel antigo ganha espaço na decoração, dando um toque de charme ao ambiente.

Os móveis antigos, que seriam descartados ou vendidos, podem ser reaproveitados na decoração. Eles ajudam a montar ambientes com uma estética mais personalizada, além de proporcionar economia ao morador, que não precisa comprar uma mobília nova.

O reaproveitamento de móveis antigos se revela uma das principais tendências para decorar a casa, sobretudo com as ideias de sustentabilidade tão em alta. As pessoas que adotam uma técnica para a reforma dos itens mobiliários podem apostar em um novo acabamento para cada peça ou também reforçar a estética desgastada para invocar um determinado estilo no visual da casa.

Há várias maneiras de trabalhar com móveis antigos na decoração, colocando em prática o bom gosto e a criatividade. As mudanças realizadas em cada móvel variam de acordo com as preferências do morador, podendo ser um novo formato, cor, estampa, pintura e revestimento.

Leia mais: Decorar com móveis antigos, dicas

O sofá antigo é a atração da sala de estar.

Um móvel antigo da sua casa pode se tornar o centro das atenções, como é o caso do sofá com design clássico que decora a sala de estar. Dentro desta proposta, os itens mobiliários que são considerados “heranças de família” podem ser retomados na decoração, dialogando com peças modernas em um mesmo ambiente.

O morador pode ainda optar pela customização de uma peça sem alterar os traços característicos, apenas apostando numa restauração com acabamento diferente.

Ideias para reformar móveis antigos

O móvel velho de madeira, danificado pelo tempo, deve ser encaminhado para uma marcenaria para passar por restauração. O trabalho deixará cada peça mais bonita e pronta para ocupar o papel de destaque na decoração. A proposta de exclusividade é outra vantagem de apostar em móveis restaurados.

Continuar Lendo  Entenda como funciona a nova vacina contra AIDS

Caso o morador não tenha condições de pagar os serviços de um restaurador, ele pode reaproveitar os móveis através de técnicas artesanais.  Uma nova pintura é capaz de transformar o visual de uma peça, tal como a troca dos puxadores. O trabalho de customização também tem liberdade para fazer um acabamento diferente, usando tecido, papel de parede ou adesivos decorativos.

O móvel antigo foi restaurado com retalhos de tecido.

Os móveis antigos não precisam ser apenas modernizados, eles também podem apresentar a estética envelhecida reforçada. Várias técnicas são capazes de reforçar a estética imperfeita do móvel, sem perder o charme e a elegância. A pátina provençal representa um bom meio para se envelhecer as peças, mantendo os traços clássicos, mas apostando em cores claras e efeito desgastado. Outra possibilidade interessante para personalizar a mobília antiga é o acabamento craquelado.

Saiba mais: Técnicas para envelhecer os móveis

Aproveite as dicas e inove a decoração com móveis antigos.

 

Top