Como proteger o jardim da chuva

O jardim se apresenta como um espaço de refúgio e tranquilidade na residência. Ele normalmente ocupa uma divisão externa, sendo caracterizado pelo seu paisagismo…

Por Isabella Moretti em 27/01/2012

Chuvas em excesso danificam o jardim.

O jardim se apresenta como um espaço de refúgio e tranquilidade na residência. Ele normalmente ocupa uma divisão externa, sendo caracterizado pelo seu paisagismo e móveis que garantem o descanso em meio à natureza. Mas, apesar de todas as vantagens, é importante se preocupar com a preservação do ambiente.

Ao possibilitar o contato com a natureza, o jardim acaba se transformando em um espaço totalmente exposto aos fatores climáticos. Em todas as estações do ano é recomendado cuidar das plantas para que elas desfrutem de boas condições de vida e se mantenham sempre saudáveis.

Entre as interferências do clima que assolam o jardim residencial, é válido destacar as chuvas intensas no verão. O excesso de água ou até mesmo a agressividade da queda pode comprometer a beleza ou a estrutura das plantas mais sensíveis. A questão da umidade também é um agravante para os móveis de madeira ou ferro.

Dicas para proteger o jardim da chuva

As chuvas fortes danificam flores, folhas e frutos.

As plantas necessitam de água para sobreviver, mas no caso de excessos, o solo acaba apodrecendo e as flores mais sensíveis perdem a força para crescer. As folhas das árvores e frutos também sofrem danos com as chuvas frequentes do verão, em especial nas tempestades de granizos.

Uma forma de proteger as plantas do jardim é instalando uma cobertura sombrite, capaz de preservar a natureza do espaço ao ar livre nos dias tempestuosos. O elemento se revela fácil de ser instalado e não vai interferir no projeto paisagístico. As agressões causadas pelo excesso de sol também serão evitadas com o uso do sombrite.

Nem sempre é possível cobrir todo o jardim, principalmente quando envolve o gramado e os canteiros. Uma maneira de garantir a preservação da área é fazendo buracos verticais no solo e fazer a instalação de uma manilha furada para captar a água da chuva.

Os paisagistas apontam que, para um jardim ser saudável e bonito, ele necessita de um solo bem drenado durante os dias de verão. Algumas estratégias simples podem trazer bons resultados para a área, como o emprego de pedras ou camadas de areia que atuam como drenos naturais.

As chuvas violentas podem ainda causar o desgaste dos móveis, por isso é importante escolher peças resistentes para decorar o espaço externo da casa. Com relação ao revestimento, é comum o uso de decks de madeira nos jardins modernos, cuja preservação das peças depende de uma camada de óleo protetor. O uso de pedras naturais também é frequente, porém mais fácil de lidar em dias chuvosos.

Como proteger as plantas?

Adote vasos mais resistentes no seu jardim residencial.

O volume de água em excesso agride as plantas, então procure conter o número de regas nos dias de chuva. É importante ficar atento aos sinais dados pelo jardim de que alguma coisa está errada, como é o caso das folhas amareladas. Trocar as plantas de recipiente também ajuda, então experimente adotar os vasos de polietileno ao invés dos de plástico.

Aproveite as dicas e preserve a saúde do seu jardim.

 

Top