Como prolongar efeito do desodorante: dicas

Editorial MDT 03/12/2012 Beleza

O suor é algo inevitável e faz parte dos mecanismos corporais de regulação térmica. É pelas glândulas sudoríparas e pelos poros que a pele expulsa líquidos para o resfriamento da temperatura do corpo. Isso é normal. O problema é que o suor, muitas vezes, é acompanhado de um forte odor. Em algumas regiões, o mau cheiro é ainda mais acentuado, como nas axilas e nos pés. Por isso, homens e mulheres, há muito tempo, recorrem aos desodorantes, como forma de evitar esse cheiro ruim.

Áreas como axilas e pés costumam ter cheiro mais forte (Foto: Divulgação)

O efeito do desodorante tem tempo limitado, seja ele qual for. No caso dos comuns (os não antiperspirantes) a ação termina mais rapidamente. É quando entram em cena as odiadas bactérias e começa a surgir aquele cheirinho desagradável. Existem, ainda, pessoas que sofrem com este problema, de forma mais acentuada. De qualquer maneira, é imprescindível fazer a higiene correta das axilas pois, do contrário, o odor aparecerá, em qualquer indivíduo.

Por que aparece o mau cheiro?

O mau cheiro é culpa das bactérias (Foto: Divulgação)

Nossa pele, tal como qualquer outro lugar do mundo, está cheia de bactérias. Ninguém as vê, mas elas estão em todas as partes do corpo e se multiplicam, vertiginosamente, caso encontrem terreno propício para isso. Um dos fatores que favorecem a procriação destes seres microscópicos avassaladores é o suor. Onde há suor, há calor; e este calor faz com que as bactérias aumentem. Portanto, uma enorme concentração delas resulta em sujeira. É isso, mesmo! As bactérias também defecam e é essa sujeira que faz com que as axilas fiquem fedorentas. O chulé também aparece assim. É preciso, então, recorrer aos produtos que ajudam a evitar que a pele transpire demais. O ideal, para todos, seria encontrar formas de prolongar o efeito do desodorante, pois a jornada diária é longa e exige proteção ferrenha.

Dicas para prolongar o efeito do desodorante

Em primeiro lugar, deve-se lavar bem as axilas, diariamente, retirando todo os vestígios do desodorante usado, anteriormente. Se possível, a higiene deve ser feita com sabonetes antibactericidas, pois isso irá eliminar as bactérias, temporariamente. Após o banho, é importante secar bem a região, para que o desodorante penetre com mais facilidade.

Tecidos sintéticos também fazem a pele suar mais, fazendo com que o efeito do desodorante dure menos (Foto: Divulgação)

Os tecidos das roupas são importantes. É bom evitar os sintéticos, que dificultam a ventilação da pele, promovendo ainda mais transpiração. Outra dica para prolongar o efeito do desodorante é depilar as axilas. Os pelos fazem com que a pele sue mais e ainda concentram bactérias, no local. Este hábito é útil até mesmo aos homens.

Em suma, o que se deve fazer é diminuir as bactérias das axilas e evitar o suor, com roupas leves e confortáveis (como o algodão). Assim, o mau cheiro demorará mais tempo a aparecer.

Veja o que fazer contra o suor com odor: Suor com odor forte: o que fazer

Conheça um procedimento cirúrgico para o problema: Cirurgia Plástica nas Axilas, Hiperidrose Axilar

Outros artigos

Brinquedos educativos: dicas, preços

28/11/2012

Brinquedos educativos: dicas, preços

Toda criança tem o direito de curtir sua infância como se deve: brincando muito. Mas, para estimular o desenvolvimento desse pequeno ser que está descobrindo um mund...

Tênis Freeday Feminino Modelos, Preços

16/08/2011

Tênis Freeday Feminino Modelos, Preços

A Freeday é uma empresa gaúcha, localizada na cidade de Estância Velha em uma área de 5.000 m². As atividades da empresa começaram em 1990, nos fundos da casa do Sr...