Como Montar um Jardim em sua Casa

Morar em uma casa pequena não é desculpa para não ter um lindo jardim. Se você tem espaço na área externa não terá problemas…

Morar em uma casa pequena não é desculpa para não ter um lindo jardim. Se você tem espaço na área externa não terá problemas em plantar flores e folhagens, mas quem mora em pequenas casa ou apartamentos também podem cultivar charmosos jardins sem fazer muita sujeira.

O importante é que o local seja bem iluminado, bem arejado, com janela se tiver espaço para colocar uma poltrona ou um banco, ótimo! Veja algumas idéias super legais para montar um jardim em sua casa:

Piso de cerâmica, móveis de madeira aparente, cesto de fibra, tom oliva na parede: nesta área coberta do quintal optaram por elementos que remetem à natureza e imprimem uma atmosfera acolhedora. Pilhas de vasos, ferramentas e regadores ficam à vista.  Entre as espécies, há orquídea-bambu (Arundina bambusifolia,  fícus e diversas orquídeas. Atrás do banco, uma placa exibe um poema de Carlos Drummond de Andrade. Nas almofadas uma delicada mistura de xadrez e floral. Um cantinho charmoso para você ler um livro ou receber visitas.

Como o terraço tinha piso cerâmico, montou-se ali um jardim de vasos, limitou os recipientes a uma área de 3,50 m² para sobrar espaço para cadeiras. Camadas de seixos sobre o chão demarcam o lugar.  Escolher espécies de uma mesma família – a das suculentas – tornou a composição harmoniosa, assim como selecionar vasos de um só autor. Entre outras espécies, foram empregadas iuca, clúsia, peixinho e ripsális.

Um armário que concentrou nas prateleiras os recipientes com espécies de orquídeas. Dentro do móvel são guardados os acessórios para cuidar das plantas. Este canto ficou perfeito para o cultivo de orquídeas: elas ficam resguardadas do vento e do sol diretos, mas recebem bastante claridade. A periodicidade das regas varia conforme a espécie. Como regra geral, coloque água na terra com parcimônia uma vez por semana, sem deixar encharcar – escolha vasos em que o líquido escoe facilmente.

Leia Também:  Objetos e móveis inspirados em doces

A busca por um visual romântico guiou a reforma deste jardim. Para atrair passarinhos, foram escolhidas frutíferas, como a minirromã, e a jabuticabeira. O corredor não recebe muito sol, assim optou-se por plantas que se desenvolvem bem nessa situação. Na viga de madeira rústica, fica o jasmim-dos-poetas. Por se tratar de uma área de circulação, os caminhos foram demarcados com placas de cimento e dormentes, que dificultam o crescimento de grama – por isso, fez-se uma forração de seixos de arenito.

O piso de tábuas de madeira compõe a base para a criação da área verde. Este deque de ipê, no terraço ao lado do quarto da moradora. O deque é tratado com verniz naval. Nas caixas dos vasos, porém, a madeira está ao natural. As peças exibem uma cerca viva de murta.

Voltada para os fundos da casa, a vista desta janela não era das mais belas. Os vasos de cerâmica – já comprados com as plantas têm alturas diferentes, passando a impressão de uma floresta em miniatura. Para dar um bom acabamento, cobriu-se o chão com pedriscos brancos número 3 e uma esteira de bambu foi fixada na grade, ao fundo, o que aumenta a sensação de privacidade sem bloquear a ventilação. Os cuidados com a espécie são simples: regar com frequência, mantendo a terra umedecida, aparar para conservar o formato de bola e deixar a pleno sol.

Que tal ter plantas nas floreiras de seu apartamento? Use alecrim, o manjericão e o bambu-mossô que crescem junto à janela do escritório. Seixos podem cobrir o canto das suculentas, você pode ainda instalar comedouros e bebedouros para os pássaros visitarem o jardim.

Seja qual for o seu espaço, você pode encontrar alternativas legais para ter um jardim em casa, além de bonito faz bem a saúde ter um pouco de área verde perto da gente.

Leia Também:  Decoração ecológica - como fazer

Top