Como lidar com a homofobia na escola

A homofobia é o termo usado para designar uma espécie de medo irracional diante da homossexualidade ou da pessoa homossexual, fazendo com que o mesmo seja colocado em posição de inferioridade e violência física ou verbal.  Saiba mais sobre o assunto e veja como lidar com a homofobia na escola.

A homofobia é um assunto que deve ser tratado na escola. (Foto: divulgação)

Homofobia na escola

A homossexualidade é o tema mais difícil relacionado à sexualidade. Há algum tempo a sexualidade vem sendo abordada nas salas de aulas. Falar sobre o assunto nas escolas pode até deixar alguns pais receosos, mais é preciso entender que é importante respeitar as diferenças. A informação é o primeiro passo para quebrar o preconceito. Muitas pessoas pensam que a bissexualidade e a homossexualidade são desvios de caráter, doença ou até mesmo algo contagioso.

Segundo especialistas em psicologia não se sabe explicar por que as pessoas são heterossexuais, homossexuais ou bissexuais. Sabe-se que alguns fatores biológicos, sociais e psicológicos podem influenciar, mas não é possível determinar uma única causa. Em uma sociedade como a nossa, qualquer pessoal normal homossexual é tratada com descaso, humilhação e até violência física. Isso é considerado homofobia.

É necessário combater a homofobia na escola. (Foto: divulgação)

Como lidar com a homofobia na escola

Para evitar constrangimentos, bullying ou assédio por parte dos estudantes, a família e a escola devem falar para os jovens sobre a necessidade de respeitar as diferenças e de refletir sobre os padrões de comportamento impostos pela sociedade. Falar sobre os diferentes tipos de orientação sexual na escola faz parte disso, apesar de não ser tão fácil.

Quando as pessoas não falam sobre esse tema, as praticas homofóbicas e discriminatórias são reforçadas. A invisibilidade com que o tema é tratado, o silêncio da instituição se junta com a violência pelos corredores e faz com que jovens e adolescentes, no momento em que apresentam desejo sexual, sintam-se acuados em vivenciar a sua sexualidade e tentem omitir sua orientação sexual.

Se na escola o tema não for discutido, não será nesse local que jovens homossexuais irão encontrar respostas para suas dúvidas e incertezas sobre sexualidade. Não será no espaço escolar, local onde é motivo de piadas, que encontraram espaço para falar sobre a sexualidade.

Muitos jovens são vitimas de homofobia na escola. (Foto: divulgação)

O significado de homofóbico é bastante amplo e muito usado para relatar abusos relacionados a orientação sexual. É preciso saber lidar com a homofobia na escola para que esse problema seja eliminado e o jovem possa ter uma orientação e aceitação social assim como os demais heterossexuais. 

Reply