Como introduzir papinha na alimentação do bebê

Conheça a maneira correta de introduzir os alimentos na dieta de seu filho e fique livre de possíveis consequências indesejáveis. Quando iniciar com a…

Papinhas para bebês

Conheça a maneira correta de introduzir os alimentos na dieta de seu filho e fique livre de possíveis consequências indesejáveis.

Quando iniciar com a papinha?

Já se sabe que o alimento mais completo que existe para um recém-nascido é o leite materno. Dessa forma deve ocorrer a amamentação materna até os seis meses de vida do bebê, sendo contra indicado qualquer outro tipo de alimento. O leite materno contém todas as substâncias necessárias para o desenvolvimento adequado do bebê, incluindo anticorpos que ajudam na defesa do organismo. Após esse período, seis meses de vida, já é possível iniciar com as papinhas tanto salgadas, quanto doces.

Quanto é possível oferecer ao bebê?

Especialistas afirmam que devemos iniciar com uma quantidade equivalente a uma colher de sopa, não ultrapassando essa medida. Depois, podemos começar a oferecer a quantidade que dê um aspecto de saciedade ao bebê, sendo demonstrado pela aceitação da criança. Nunca force a ingestão além do que seu filho desejar, isto pode trazer consequências graves a ele.

É importante lembrar que, mesmo após a introdução dos alimentos, não se deve cessar a ingestão do leite, independente de ser materno ou industrial. Pois nas primeiras fases da vida o cálcio é essencial para o crescimento e desenvolvimento da criança.

Papinhas para bebês

Como deve ser feita a introdução?

  • Aos seis meses de vida:
    • Iniciar com alimentos mais fáceis para engolir, sendo testado um de cada vez e nunca todos ao mesmo tempo;
    • Avalie a aceitação do bebê, assim como as possíveis manifestações que poderão surgir, como diarréia ou alergias;
    • Vale lembrar que o volume de papinha a ser oferecida deve evoluir conforme a aceitação do bebê, sendo iniciado com uma quantidade equivalente a uma colher de sopa.
  • Aos sete meses:
    • Nessa época já é possível iniciar com carnes e legumes, porém batidos ou em forma pastosa;
    • É necessário avaliar a aceitação.
  • Aos nove meses:
    • Inicie com a introdução de pequenos pedaços de alimentos no meio da papinha, para incentivar a mastigação.
  • Aos 12 meses:
    • O bebê já pode ser introduzido a dieta normal da família, desde que contenha todos os alimentos necessários para seu desenvolvimento, ou seja, uma dieta nutritiva e equilibrada.

Fique tento ao manejo do alimento que seu filho ingere!

É necessário ter cuidado ao produzir a papinha que seu filho irá ingerir. Primeiramente, é importante prestar atenção quanto à higiene e os cuidados de armazenamento do alimento.

Sabe-se que o mau armazenamento do alimento pode não conservar as substâncias e nutrientes essenciais para o crescimento do bebê. Para não ter problemas como estes, siga essas dicas:

Prepare os alimentos você mesma e faça a refeição logo após o preparo da comida, não deixando o alimento muito tempo armazenado. Dessa forma você impede a perda dos nutrientes.

Escolha a melhor dieta para o seu bebê






Top