Como fazer minha empresa crescer

Ser empreendedor não é nada fácil, são muitas responsabilidades e preocupações, mas a compensação de tudo vem quando o investimento gera um retorno. Pode…

Por Editorial MDT em 08/02/2012

Como fazer minha empresa crescer (Foto: Divulgação)

Ser empreendedor não é nada fácil, são muitas responsabilidades e preocupações, mas a compensação de tudo vem quando o investimento gera um retorno. Pode não parecer, mas os momentos mais difíceis das empresas geralmente ocorrem logo no início, quando há uma série de impostos e gastos que ainda não são cobertos pelos valores que entram no negócio.

Para manter a empresa sempre em ordem, principalmente no inicio, é muito importante haver um valor separado especialmente para emergências e gastos. É necessário um capital de giro estável pelo menos nos dois primeiros anos, para manter a empresa sempre na ativa, independente dos obstáculos enfrentados.

Possuir Capital de giro é um dos passos mais importantes durante a expansão da empresa (Foto: Divulgação)

Na hora de expandir a empresa, é importante saber bem o que quer e preparar um plano de negócios que deve ser atualizado a cada conquista, a cada meta alcançada, sempre seguindo rumo ao objetivo, sem perder o foco. Para se manter bem, é necessário ter um salário justo, por isso, não reduza seu próprio salário buscando mais lucros para a empresa. Uma boa alternativa para levar a empresa adiante e consequentemente conseguir clientes fiéis e satisfeitos são as parcerias e descontos.

A grande chave é conceder descontos maiores aos clientes que fecharem pacotes ou contratos de trabalho, que deixam a empresa em uma situação mais estável. Um passo muito importante em qualquer coisa é a qualidade. Quando há um bom trabalho, um bom produto, com preço justo, o cliente fica satisfeito e volta a procurar os serviços da empresa.

Uma boa gestão pode render boas parcerias e bons negócios para a empresa (Foto: Divulgação)

Mantenha as contas da empresa em ordem, mantendo um bom relacionamento com o banco e os credores, além de mostrar seriedade e que o pagamento das dívidas é importante. Caso a empresa seja bem pequena e você ainda seja um profissional autônomo, sem funcionários, a dica para expandir e aumentar a abrangência é contratar um funcionário. Neste caso, o correto é delegar ao novo funcionário tarefas simples e fáceis e então começar a treiná-lo para tarefas mais complicadas, além de frisar a importância do padrão de qualidade no atendimento, algo que é muito prezado pelos clientes.

Para expandir os negócios não há grandes segredos, o correto é continuar fazendo um bom trabalho, satisfazendo os cliente e consumidores, além de aproveitar ao máximo todas as oportunidades oferecidas pelo mercado.

Top