Como Evitar Estrias na Barriga Após a Gestação

A gravidez é aquela fase em que a mulher sofre muitas mudanças psicológicas e especialmente físicas. Seu corpo torna-se bem diferente de antes e…

A gravidez é aquela fase em que a mulher sofre muitas mudanças psicológicas e especialmente físicas. Seu corpo torna-se bem diferente de antes e muitas delas sofrem com essas modificações. Uma delas diz respeito ao esticamento da pele, que causa um aspecto nada agradável. Como então evitar estrias na barriga após a gestação? A esteticista e personal beautician Eva Litvak Vaia dá orientações a todas que querem estar longe de qualquer aparência feia.

Primeiramente, é preciso entender o que são estrias e por que elas ocorrem com maior freqüência durante a gestação. “Estrias são linhas finas e frágeis, no início possuem coloração avermelhada, e gradualmente vão descolorando até tornarem-se esbranquiçadas. Trata-se de ausência de tecido, já que são causadas pela ruptura da pele que distendeu além da capacidade normal. Felizmente, nem todas as mulheres adquirem estrias após a gravidez. As causas das estrias, durante a gravidez podem ser: hormonais, predisposição genética, aumento excessivo de peso.  Atingem as regiões do abdome inferior e mamas”, diz Eva Vaia que é dona de uma clínica de estética de mesmo nome.

O aparecimento de estrias na barriga durante a gravidez pode ser evitado de diversas formas, como com o uso de óleos e claro, com os olhos constantemente atentos à balança. “Controlando o peso, mantendo a pele hidratada com óleos, cremes hidratantes, sempre seguindo orientação do obstetra, evitando o sol exagerado, roupas apertadas que dificultam a circulação local, como por exemplo, jeans, são fundamentais. Pratique exercícios físicos e uma faça dieta rica em vitaminas “E” e “C”, afirma a especialista.

Para aquelas mulheres que não tomaram os devidos cuidados durante a gestação e as estrias apareceram na barriga, só resta uma saída: fazer tratamento imediatamente para amenizar a presença dessas inimigas da beleza no corpo. A esteticista explica como isso pode ser feito. “Mesmo com todos os cuidados acima, surgindo estrias, quaisquer que sejam os tratamentos, esses só poderão ser feitos após a gravidez, e  dependendo do caso, só após a fase de amamentação. Hoje, com o avanço da estética, vários são os tratamentos, mas ainda não existe um que elimine as estrias. Como esteticista, recomendo pelings, leds, microcorrentes, peeling de diamante, que podem oferecer uma melhora visível. Cada cliente é um caso específico,  é necessária uma avaliação física (anamnese) e a partir daí é que é dado o melhor tratamento, número de sessões, valores” destaca.

Leia Também:  Tratamento Oligoterapia Vale por Lipoaspiração

Conforme dito pela personal beautician, esses procedimentos só podem ser realizados após a gravidez, eles não são indicados na época da gestação. Contudo, assim que o problema for identificado, é necessário resolvê-lo imediatamente para que o sucesso dessas atividades estéticas seja mais satisfatório. “O ideal é que o tratamento seja iniciado o mais rápido possível, desde que a paciente tenha a autorização do ginecologista-obstetra” diz.

As interessadas em saber mais detalhes sobre tratamentos estéticos não podem perder mais tempo. Eva Vaia tem uma clínica de estética em São Paulo e quem quiser conferir mais detalhes sobre o seu trabalho pode acessar http://www.evalitvakvaie.com.br/. No site, já é possível ter muitas dicas sobre o assunto.

Top