Como evitar acidentes com carrinhos de bebê Como evitar acidentes com carrinhos de bebê

Como evitar acidentes com carrinhos de bebê

Infelizmente, muitos bebês sofrem acidentes em seus carrinhos, muitas vezes pelo próprio descuido das suas mamães. Por isso, é preciso ficar sempre atenta ao…

Por Editorial MDT em 05/01/2012

Além de garantir conforto para o seu bebê, o carrinho deve garantir-lhe muita segurança. (Foto: Divulgação)

Infelizmente, muitos bebês sofrem acidentes em seus carrinhos, muitas vezes pelo próprio descuido das suas mamães. Por isso, é preciso ficar sempre atenta ao tipo de carrinho comprado e à constante vigilância dele quando o seu bebê estiver nele. Sendo assim, saiba como evitar acidentes com carrinhos de bebê.

O primeiro passo começa na compra do carrinho. Não se deixe levar pelos preços muito baixos de alguns carrinhos à venda no mercado brasileiro, pois eles apresentam baixa qualidade e pouco conforto para o seu filho. Ou seja, eles poderão quebrar em pouco tempo e não aguentarão qualquer tipo de passeio. Desse modo, antes de comprar o carrinho pelo preço, verifique se ele tem qualidade o suficiente para as suas necessidades.

Além disso, fique atenta à faixa etária, ao peso e à altura do bebê para escolher o carrinho certo para a sua criança. Ele não pode ficar pendendo para nenhum dos lados, isto é, tem que ser estável e precisa ter uma estrutura reforçada, mas leve para que tenha agilidade em qualquer tipo de terreno. Outros itens de segurança importantes no carrinho são o cinto de segurança de cinco pontos, a barra frontal, as posições reclináveis e os sistemas de freios e travas nas rodas. E para completar, o carrinho não pode ter, em hipótese alguma, partes metálicas ou pontiagudas, pois elas são as maiores causadoras de acidentes.

Confira se o carrinho de bebê possui todos os itens de segurança antes de comprá-lo. (Foto: Divulgação)

Assim que escolher o carrinho para o seu bebê, leia atentamente o manual de instruções para montá-lo corretamente. Siga as normas descritas quanto às travas de segurança e ao revestimento, que deve ser colocado perfeitamente para que o bebê não fique chacoalhando nele e ao encaixe do bebê conforto, porque ele pode se soltar do carrinho.

Além de todos esses cuidados, é necessário que os adultos fiquem sempre atentos aos bebês, pois em questão de segundos, um acidente com o carrinho pode acontecer. Portanto, sempre que colocar o seu pequeno no carrinho, verifique se todas as suas partes estão bem montadas e se o bebê está seguro nele.

O carrinho deve ser estável, leve e dinâmico. (Foto: Divulgação)

Agora que você sabe como evitar acidentes com carrinhos de bebê, o seu filho poderá passear tranquilamente pelas ruas do seu bairro e você ficará sossegada por ter um carrinho seguro e confortável para ele.

Top