Como doar o seu imposto de renda

A Receita Federal já divulgou as regras, datas e novidades para a declaração de imposto de renda 2013. Os contribuintes devem prestar contas com…

Por Isabella Moretti em 28/02/2013

A Receita Federal já divulgou as regras, datas e novidades para a declaração de imposto de renda 2013. Os contribuintes devem prestar contas com o fisco dentro do período que se estende de 1º de março a 30 de abril. Quem não obedecer ao prazo estará sujeito ao pagamento de multas.

O valor do imposto de renda pode ser revertido em doações. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Novas regras de imposto de renda 2013

Declaração de IR 2013

A declaração de IR é feita através de um programa disponível no site da Receita Federal. Neste software, o contribuinte precisa informar corretamente os dados sobre os seus rendimentos. Se houver algum erro ou omissão, o documento cai na malha fina.

O contribuinte não precisa destinar necessariamente o dinheiro do imposto para o Governo, ele pode reverter o valor em prol de uma instituição de caridade. A Receita Federal oferece a possibilidade de pagar os tributos em forma de doação.

Neste ano de 2013 está mais fácil reverter o dinheiro do IR em doações para entidades beneficentes. O processo pode ser realizado através do programa gerador de declaração. O software é capaz de informar, inclusive, até qual valor é possível deduzir a doação de imposto.

A doação pode ser efetuada através do próprio software da Receita Federal. (Foto:Divulgação)

As doações que podem ser realizadas através do software da Receita Federal são destinadas aos fundos municipais, estaduais e ao fundo nacional da criança e do adolescente. Os recursos arrecadados serão investidos em projetos voltados para jovens carentes.

Antes de doar o imposto de renda, é importante que o contribuinte tenha ciência de que o valor da doação não pode exceder 3% do imposto devido. Se houve depósitos nas contas dos fundos em 2012, é possível abater 6%.

Doar imposto de renda: como fazer?

A Receita trabalha com mais de 200 fundos que apoiam projetos beneficentes. (Foto:Divulgação)

Veja o passo a passo para reverter o imposto de renda em doações:

1. Acesse a ficha “Doações diretamente ao Estatuto da Criança e do Adolescente”, que fica no resumo geral do programa de declaração;

2. Escolha um dos fundos cadastrados na lista fornecida pelo sistema. Pouco mais de 200 fundos em todo Brasil estão cadastrados;

3. Informe o valor da doação, que deve estar dentro do limite de dedução. O programa da Receita deste ano faz o cálculo automaticamente para facilitar a vida do contribuinte;

4. O programa vai gerar um Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf), que deverá ser pago até o último dia de arrecadação;

5. Quem fez doações fora do programa pode informa-las na ficha “Doações Efetuadas”, indicando o nome do beneficiário, CNPJ ou CPF;

6. Se o valor do imposto de renda não for pago até o prazo final da entrega da declaração, a doação não vai constar no sistema.

Com as novidades do programa da Receita Federal, quem não fez doações a tempo em 2012 tem a oportunidade de destinar parte do imposto a uma entidade beneficente em 2013, de forma segura e descomplicada.

Veja também: Documentos para declarar imposto de renda 2013

Top