Como Descobrir se Esta Sendo Traída

Ele chega em casa tarde, pelo menos uma vez por semana, recebe ligações estranhas no celular, liga que vai jantar com o chefe e…

Ele chega em casa tarde, pelo menos uma vez por semana, recebe ligações estranhas no celular, liga que vai jantar com o chefe e ataca a geladeira quando volta, faz uma despesa inesperada e todos os sinais de alerta disparam. Sim, você pode estar sendo traída…

Os sinais podem indicar, é claro, muitas outras coisas. O que é verdade é que quando há desconfiança, o namoro ou o casamento dão indício de que vão fracassar. Quando o parceiro começa a tentar descobrir a senha do e-mail, bisbilhotar celular e bolsos e a buscar outros cheiros nas roupas, não está mais em dúvida – já está buscando a prova  – ainda que não admita isso.

Quando alguém está comprometido e arruma outra pessoa, via de regra, há um conflito interno que acaba vindo à tona, em forma de sentimento de culpa ou de mudança na personalidade. Estes são os primeiros indícios de que há uma traição acontecendo, ou a caminho. E numa relação, as mudanças são sempre indícios de que algo vai mudar.

Fique de olho se ele, ou ela, começar a comprar roupas novas, sobretudo peças íntimas, que você quase nunca vê usando.  Pedidos de tempo, justificativa de necessidade de espaço, quando antes faziam tudo juntos, também podem indicar que tem mais alguém na relação. Outro ponto são as reuniões nos finais de semana, ou trabalho até mais tarde, sem que tenha havido mudança de emprego, ou de chefia e, sobretudo, quando isso nunca acontecia e passou a ser rotina. Claro que se houve mudanças na carreira, horários, funções e rotinas também se modificam, mas se tudo está igual, porque as reuniões no fim de semana?

Agora, nada é tão revelador como um celular. Este aparelho que invadiu nossas vidas e se tornou quase que uma extensão de nós mesmos, pode ser um aliado na hora de descobrir uma traição. Preste atenção na maneira como ele atende ao celular quando está ao seu lado. Se o parceiro ficar sobressaltado e sair de perto para atender, não é bom sinal. Também repare se há um comportamento obsessivo com o bichinho eletrônico.

Quem leva o aparelho da sala para a cozinha e de lá para o banheiro, ou está esperando uma ligação ou tem medo que uma mensagem indiscreta chame atenção. Também desconfie se ele desligar o celular quando chega em casa e se apaga todas as mensagens e ligações recentes.

Presentes sem motivo, quando antes nem uma flor vinha e carinho em excesso, podem ser sentimento de culpa. Balinhas no carro, para refrescar o hálito, gírias novas, novos interesses também podem significar que há outra pessoa. Mas nem tudo pode ser entendido como traição. As pessoas passam por fases diversas na vida e um relacionamento também. Uma ou outra ação que possa levantar desconfiança, não confirma a traição. Será a soma de diversas ações que fará com que ela se confirme.

Segundo a Federação dos Detetives Particulares, as suspeitas de traição representam mais de 70% do trabalho. A maioria termina com provas do delito, mas nem todos. Nem sempre a traição também determina o fim da relação. Detetives contam que a maioria dos casais, depois que a evidência da traição é exposta, acabam modificando a relação e continuam juntos mais unidos do que nunca.


Top