Como definir o valor da mesada do filho

Para que as crianças aprendam a valorizar o dinheiro, é importante que os seus pais lhes deem uma mesada, que deve ser, preferencialmente, semanal,…

As crianças que recebem mesada aprendem a valorizar o dinheiro. (Foto: Divulgação)

Para que as crianças aprendam a valorizar o dinheiro, é importante que os seus pais lhes deem uma mesada, que deve ser, preferencialmente, semanal, pois elas ainda não sabem lidar com o dinheiro, e gastam tudo de uma vez. No entanto, nessa hora, há pais que dão uma quantia muito pequena, enquanto outros, muito grande, geralmente para compensar o tempo que estiveram longe dos seus filhos. Porém, o dinheiro não pode ser usado como compensação. Ele é apenas uma maneira de você educar os seus filhos para a vida. Então, para dar uma boa educação a eles, saiba como definir o valor da mesada deles.

Antes de definir o valor da mesada dos seus filhos, faça o seu orçamento mensal e verifique quanto dinheiro sobrará no final do mês. Assim, você poderá dar o dinheiro às suas crianças sem deixar de pagar nenhuma conta, afinal, os seus gastos são mais importantes que os deles.

E para que os seus filhos não tenham dinheiro de menos e nem de mais, converse com os pais dos amiguinhos deles para saber quanto eles recebem de mesada. Desse modo, todos terão a mesma quantidade de dinheiro e ninguém se sentirá pior ou melhor que os outros, podendo participar dos mesmos programas em grupo.

Em cada fase da vida, precisamos de uma certa quantia de dinheiro, à medida que temos mais responsabilidades e contas a pagar. Portanto, uma criança de 5 anos não teria muito o que fazer com R$100,00 por semana. Sendo assim, quanto menor for o seu filho, menos dinheiro ele precisará. Mesmo porque ele não saberá como administrar a sua mesada e você terá que ajudá-lo.

Antes de definir o valor da mesada, saiba quanto o seu filho precisará gastar em uma semana. (Foto: Divulgação)

Por isso, antes de estipular o valor da mesada dos seus filhos, faça uma lista de necessidades com eles como passagens de ônibus, lanches na escola, roupas e saídas com os amigos. Assim, você saberá aproximadamente quanto de dinheiro o seu filho precisará por semana.

Continuar Lendo  Feng Shui na porta de entrada

Além do dinheiro necessário para os gastos rotineiros, ensine os seus filhos a economizarem uma quantia para ser depositada em suas poupanças. Para tanto, explique a importância de se ter dinheiro guardado no banco, dizendo que no futuro, eles poderão usá-lo para pagar a faculdade ou mesmo para fazer uma viagem importante. Se eles ainda forem pequenos, dê-lhes cofrinhos para que sejam guardadas moedas e notas pequenas e, ao final do mês, conte com eles quanto economizaram para então depositar o dinheiro no banco.

Os cofrinhos são ideais para as crianças aprenderem a poupar dinheiro. (Foto: Divulgação)

As crianças que recebem mesadas ficam mais responsáveis e autônomas, pois elas aprendem a gastar apenas o que têm, estabelecendo prioridades para os seus ganhos. Sendo assim, dê mesadas aos seus filhos, contanto que seja a quantidade ideal para as suas idades e necessidades.

 

 

 

Top