Como cuidar de suculentas

As plantas suculentas são bonitas, fáceis de cuidar, duradouras e podem ser usadas para enfeitar diferentes ambientes da casa. Quando bem adaptadas ao espaço,…

As plantas suculentas são bonitas, fáceis de cuidar, duradouras e podem ser usadas para enfeitar diferentes ambientes da casa. Quando bem adaptadas ao espaço, elas se transformam em verdadeiras esculturas verdes.

As suculentas são capazes de armazenar mais água do que as demais plantas. (Foto:Divulgação)

Características das suculentas

As suculentas possuem características específicas, como a raiz, o talo e as folhas engrossados. Estas peculiaridades favorecem o armazenamento de água em quantidades maiores do que as plantas normais.

A capacidade de reservar água faz com que as suculentas sobrevivam em ambientes áridos e secos. Estas características são comuns na América e na África, regiões onde as plantas surgiram.

As plantas suculentas também costumam ter espinhos ou uma espécie de penugem nas folhas, que ajuda a manter o máximo de umidade possível.

Espécie dedinho-de-moça. (Foto:Divulgação)

Existem mais de 22 mil espécies de plantas suculentas, sendo que 2 mil são variedades de cactos. Entre os tipos mais encontrados no Brasil, vale destacar a planta-jade, dedinho-de-moça, carpete-dourado, crassulas, orelha-de-gato, flor-de-maio, planta pérola, gastéria, planta-fantasma e echevéria.

As plantas suculentas são classificadas em gêneros: os aloés (podem crescer bastante e possuem propriedades curativas), as Echeverias (possuem folhas maiores e com bico bem definido nas pontas), o Sedum (tem folhas pequenas e gordas) e as Crassulas (apresentam folhas mais arredondadas).

Há muitas vantagens em cultivar plantas suculentas, afinal, elas precisam de pouca água, possuem fácil propagação e duram muito tempo sem precisar de grandes cuidados.

Dicas para cuidar de plantas suculentas

Os cactos são as principais plantas suculentas. (Foto:Divulgação)

Confira a seguir algumas dicas e cuidados para cultivar as plantas suculentas em casa:

• O solo ideal para as plantas suculentas é rico em nutrientes e com pouca água.

Leia Também:  Cidades que cancelaram os desfiles de Carnaval

• Para preparar o solo, é recomendado misturar três partes de areia para uma parte de terra vegetal. Em seguida, é necessário acrescentar adubo orgânico e forrar o vaso com pedriscos.

• Os vasos usados para cultivar suculentas não podem ser fundos, afinal, as plantas possuem raízes curtas.

• As plantas suculentas devem ser expostas à luz solar direta por pelo menos 5 horas. Para que todos os lados recebam raios solares, é preciso girar o vaso frequentemente.

• As plantas naturais de regiões secas morrem na sombra, por isso elas necessitam de muita exposição solar para sobreviver.

• A suculenta deve ser regada apenas quando a terra estiver completamente seca.

• A frequência de regas é uma vez por semana no verão e uma a cada 15 dias no inverno.

• Não é recomendado deixar água parada no vaso, pois esta condição causa o apodrecimento das raízes.

• Para preparar uma muda de suculenta é muito simples, basta retirar uma folha da planta original, colocar no solo fértil e regar com cuidado. O transplante da muda para o vaso definitivo poderá ser feito em um mês.

Top