Como cuidar da alimentação dos cães

Assim como os humanos, os cães também precisam de cuidados especiais, sobre tudo no que diz respeito à alimentação. Infelizmente, alguns donos não criam…

Assim como nós, os cães também precisam de uma alimentação saudável.

Assim como os humanos, os cães também precisam de cuidados especiais, sobre tudo no que diz respeito à alimentação. Infelizmente, alguns donos não criam seus animais de estimação como deveriam e, com isso, acabam colocando a saúde deles em risco.

Uma dieta equilibrada é importante para livrá-los de doenças e deixá-los com um aspecto mais saudável. Caso não tenham sua demanda nutricional suprida, eles vão ficar mais vulneráveis a ataques de agentes externos, como microorganismos, por exemplo.

Por isso, separamos algumas orientações para que você possa cuidar melhor da alimentação de sua cria. São dicas para que seu animal possa aproveitar melhor cada fase de sua vida. Confira!

Dicas de alimentação para filhotes

No caso dos filhotes, o ideal é investir numa dieta rica em energia.

Nesta faixa etária, eles precisam de bastante energia. Por isso que os médicos veterinários sugerem uma alimentação rica em proteínas, gordura e vitaminas. Outra questão importante é sobre o momento certo de introduzir a ração. Alguns sinais mostram quando está na hora de alimentá-los com este tipo de produto.

Em média, o desmame acontece quando o filhote tem entre 40 e 60 dias. Um bom momento para oferecer a ração é quando a mãe não quer mais amamentá-los ou quando a cria passa a demonstrar interesse pelo seu alimento.

Lembrando que a ração nunca deve ser umedecida em leite de vaca, devido à alta quantidade de lactose que ele possui. Nos filhotes, o consumo de açúcar pode causar diarréia, por isso que a orientação é umedecer a ração em água morna. Tome cuidado também com o tempo de exposição do alimento. Por estar úmido, ele acaba se transformando no cenário perfeito para o desenvolvimento de fungos e bactérias. Para evitar este tipo de problema, o ideal é trocar a ração várias vezes ao dia.

Dicas de alimentação para cães idosos

Os cães que já passaram idade de também precisam de uma alimentação especial.

Geralmente, o cão idoso é aquele que já passou dos oito anos para raças de porte médio, ou de cinco para raças de grande porte. Por ser menos bem menos ativo do que um filhote, sua alimentação não precisa de muita energia. Por outro lado, seu organismo ainda necessita de vitaminas, sobretudo de alguns nutrientes específicos, como aqueles que agem no fortalecimento dos ossos e dos músculos.

Invista em rações específicas para esta faixa etária. No mercado você encontra produtos capazes de atender a demanda nutricionais dos cachorros que já não estão na flor da idade. Além disso, procure um veterinário e veja quais são suas recomendações sobre o assunto.

 

Top