Como ajudar a criança a perder peso

Como ajudar a criança a perder peso

A obesidade infantil muitas vezes é resultado da falta de exercícios ou do consumo excessivo de “besteiras”, como salgadinhos, doces, biscoitos, lanches, frituras etc.…

Por Editorial MDT em 05/08/2015

A obesidade infantil muitas vezes é resultado da falta de exercícios ou do consumo excessivo de “besteiras”, como salgadinhos, doces, biscoitos, lanches, frituras etc. Para que as crianças consigam perder peso, elas devem ser ensinadas a comer alimentos mais nutritivos e a evitar os alimentos que levam a obesidade. Saiba Como ajudar a criança a perder peso sem necessidade de tratamentos.

É preciso incentivar a criança a perder peso, para que ela tenha uma saúde melhor no futuro.

Perder peso para as crianças não é uma tarefa fácil, é muito mais difícil que para os adultos. Muitas mães não se dão conta do quão importante é o cuidado com crianças que estão acima do peso. Esse sobre peso pode acarretar doenças graves já nos primeiros anos de vida, como diabetes, entupimento das veias entre vários outros problemas derivados da obesidade. Conheça algumas dicas que podem ajudar o pequeno a perderem peso.

Dicas de como ajudar a criança a perder peso

1.   Estabelecer horários para as refeições:

  • Café da manha, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar;
  • O almoço e o jantar são as refeições mais importantes do dia, portanto devem ser as mais completas, porém, sem excessos na janta.

2. Ofereça alguns alimentos:

  • Frutas são excelentes para o organismo e podem ser consumidas sem preocupação. Incentive esse hábito na criança;
  • Ofereça sucos ao invés de refrigerantes;
  • Faça saladas coloridas para estimular e atrair o consumo;
  • Evite consumir doces, balas e biscoitos em casa. É difícil dizer não para a criança quando ela está vendo o alimento.

3. Diminua alimentos calóricos:

  • Doces;
  • Balas;
  • Biscoitos recheados;
  • Frituras.

É importante diminuir as guloseimas da alimentação diária.

4. Diversifique os alimentos:

  • Ofereça frutas cortadas ou picadas em pedacinhos;
  • Incentive o consumo de folhas ou legumes;
  • Sirva os outros alimentos (arroz, feijão e carne);
  • Depois sirva um suco, de preferência natural.

5. Evite brincadeiras na hora da refeição:

  • A hora da alimentação é séria. Evite fazer aviõezinhos, isso pode deixar a criança mimada, o que dificulta na hora da alimentação correta.

6. Reeducação alimentar:

  • Esse processo costuma ser demorado em crianças. O importante é não ter pressa;
  • Comece retirando os alimentos que aumentam o peso aos poucos, dessa forma a criança terá menor dificuldade de adaptação.

7. Atividade física:

  • Incentive a prática de exercícios físicos, como esportes ou atividades que agradem o pequeno;
  • Dê preferência para modalidades individuais no início, para evitar algum tipo de constrangimento para a criança.

8. Apoio familiar:

  • O apoio familiar é muito importante para o tratamento;
  • O ideal é que toda a família mude o hábito alimentar, para que a criança não se sinta reprimida.

É importante que toda a família se una para um novo hábito alimentar mais saudável.

Quando se retira os alimentos que ajudam a ganhar peso e substitui por alimentos nutritivos no planejamento e preparo das refeições, os filhos são educados para crescer com peso balanceado, fortes e saudáveis. Essas dicas vão ajudar as crianças a perder peso de maneira saudável. Para não assustar na hora da mudança, inclua as verduras e saladas junto da mistura, como o frango e a carne, para que a criança não sinta tanto o gosto desses alimentos que ela não está acostumada a comer.

Top