Como acostumar um gato a tomar banho

Os banhos em animais domésticos são diferentes entre si. Um banho dado em um cão não é do mesmo jeito para um gato, por…

Por Redacao em 08/02/2012

Como acostumar gatos a tomarem banho(Foto:Divulgação)

Os banhos em animais domésticos são diferentes entre si. Um banho dado em um cão não é do mesmo jeito para um gato, por exemplo. Até porque os felinos possuem características metabólicas e físicas diferentes dos cães, não podendo haver uma comparação entre eles.

Sabe-se que devido ao gato ser um animal muito higiênico, possuindo a capacidade de alcançar lugares bastante específicos do corpo e obter uma língua áspera própria para a limpeza o banho torna-se algo desnecessário. Apenas é aconselhável a higiene do animal quando for para retirar pragas como pulgas. Porém, existem donos que para garantir a total limpeza e higiene de seu felino adotam o banho como uma das prioridades para o cuidado do mesmo.

Associe o momento do banho como algo agradável (Foto:Divulgação)

Para que o banho não seja traumatizante é preciso que a água esteja morna e que o shampoo ou o sabonete sejam neutros, entre outras coisas. Para o gato ter afinidade a banhos regularmente, é necessário iniciar o processo nos primeiros estágios de vida do animal, especificamente a partir dos três meses de idade.

Outra atitude que facilitará o trabalho é quando estiver acostumando o animal com os objetos do banho demonstre carinho, dê alguns petiscos, assim o animal entenderá que o banho não é uma atividade ruim, algumas brincadeiras também são válidas . Lembre-se que é preciso muita atenção para não entrar água pelos orifícios do animal como orelhas e nariz, podendo ser perigoso e é necessário evitar que os olhos sejam irritados.

Todavia, não dê o banho completo todo de uma vez, pois pode assustá-lo, vá acostumando o animal com os instrumentos a serem utilizados. Um dia molhe as patinhas para que ele sinta a água, no outro o enrole em uma toalha como se estivesse enxugando, assim o bichano pode sentir a maciez do objeto usado. O mais difícil é acostumá-lo com o secador por causa do barulho, pois este assusta o gato com maior facilidade. É preciso apenas um pouco mais de paciência, já que esse costume pode demorar mais tempo.

Evite estressar o animal durante o banho (Foto:Divulgação)

Quando o felino já estiver acostumado com todos os afazeres de um banho, é chegada a hora dele ser feito por completo, sem traumas ou estresses.

Os animais podem se tornar adaptáveis quando há carinho, alimentação adequada, paciência e disciplina. Além disso, para que a operação seja bem sucedida é preciso que sejam evitados motivos de estresse para que ele não associe o banho a uma situação ruim.

Top