Como acertar na compra do finalizador

Como acertar na compra do finalizador

São chamados Finalizadores os produtos para estética e tratamento dos cabelos e, como o próprio nome diz, são usados para finalizar o seu penteado. Até…

Por Editorial MDT em 25/05/2012

São chamados Finalizadores os produtos para estética e tratamento dos cabelos e, como o próprio nome diz, são usados para finalizar o seu penteado. Até pouco tempo atrás, os finalizadores mais conhecidos e usados eram o gel e o laquê. E quem, também, nunca ouviu falar da famosa brilhantina, muito usada pelos homens, nos anos 60 e 70? De lá para cá, muita coisa mudou e a indústria de cosméticos tem evoluído cada vez mais, oferecendo às pessoas infinitas possibilidades de cuidado com os cabelos e  mudanças no visual.

Cacheados ou lisos: sempre há o tipo certo de finalizador.

 

Tipos de finalizadores mais comuns

 Muitas são as opções de finalizadores no mercado. O consumidor, muitas vezes, acaba por não saber ao certo qual a finalidade de cada um deles, comprando produtos que não são muito adequados ao seu tipo de cabelo ou que não surtirão os efeitos desejados.

Leia também: Saiba como escolher o finalizador ideal para seus cabelos

Os tipos mais comuns de finalizadores são: gel, mousse, pomada, leave-in, ativadores de cachos, ativadores de brilho, protetores térmicos, ativadores de volume, produtos antifrizz, pós, ativadores de efeito liso e outros; enfim, a quantidade é volumosa. Dá para confundir qualquer pessoa.

Na dúvida, pesquise antes de comprar.

Finalizadores: qual você deve comprar

Saiba como usar a pomada em: Pomadas Finalizadoras para Cabelo – Como usar

Para facilitar a sua escolha e para que não erre na hora da compra, selecionamos alguns dos produtos mais usados e suas principais funções:

Gel: é o mais conhecido entre os finalizadores. Ideal para quem prefere ficar com os cabelos bem comportadinhos, durante todo o dia. É mais indicado para cabelos curtos ou penteados simples, em que os fios ficam presos. Seu uso resulta em cabelos com brilho e efeito molhado;

Cera ou Pomada: são produtos semelhantes e podem ser aplicados nos cabelos curtos ou longos, depois de secos. Seu efeito é a definição dos fios, porém sem o brilho do gel. Com este produto, os cabelos ficam mais maleáveis e podem ser alterados, no decorrer do dia;

Leave-in ou Condicionador sem enxágue: Pode ser aplicado em qualquer tipo de cabelo, após a lavagem, ainda molhados. Sua função é reduzir o efeito frizz e hidratar os fios;

Sérum e Ativador de cachos: são usados para disciplinar os cabelos ondulados ou encaracolados. Costumam hidratar as pontas ressecadas e evitar as pontas duplas;

Mousse: costuma ser usado, também, para definir os cachos; porém, sua aderência é maior e o efeito mais prolongado, em comparação aos ativadores de cachos. Costuma deixar os fios um pouquinhos mais duros;

Protetores térmicos: usados para proteger os fios contra o calor. São indicados para pessoas que usam bastante secador, babyliss e chapinha. Seu efeito é ativado pelo calor, hidratando e protegendo as cabelos. Alguns deles ajudam a manter os cachos por mais tempo.

 

Os finalizadores existem em grande número.

Agora que você já sabe como funciona cada finalizador, procure analisar qual deles será mais adequado ao seu tipo de cabelo, acertando em cheio a sua compra por este produto.

Top