Como a depressão afeta a saúde

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 350 milhões de pessoas no mundo sofrem de depressão ou de algum…

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 350 milhões de pessoas no mundo sofrem de depressão ou de algum outro problema mental. O índice é preocupante, principalmente porque a doença afeta a saúde como um todo.

A depressão afeta 17% da população mundial. (Foto:Divulgação)

Saiba mais: Mulheres são mais suscetíveis à depressão

A depressão afeta 17% da população mundial, sendo que a maioria das vítimas é formada por mulheres. O sexo feminino é mais vulnerável a doença principalmente por causa da incidência da depressão pós-parto, que afeta uma em cada cinco.

A OMS acredita que a depressão diminui muito a qualidade de vida e aumenta as chances de outras doenças. A organização ainda estima que, em 2020, a depressão será um problema tão comum quanto à dor nas costas.

A depressão afeta a saúde

A depressão pode contribuir com o surgimento de outros problemas de saúde. Veja quais são:

Câncer
Alguns estudos relacionam o aparecimento do câncer à depressão. Isto acontece porque o funcionamento do sistema imunológico do indivíduo se torna deficiente. O paciente diagnosticado com depressão também costuma ter mais dificuldades para enfrentar o tratamento.

Problemas cardíacos
Um estudo realizado nos Estados Unidos comprovou que a depressão em mulheres com mais de 50 anos aumenta as chances de problemas cardíacos, como o infarto.

A depressão intensifica os episódios de insônia e prejudica a rotina. (Foto:Divulgação)

 Insônia
A pessoa diagnosticada com depressão normalmente tem dificuldades para dormir, o que pode desencadear a insônia. Com o organismo cansado, fica complicado realizar as atividades durante o dia.

Problemas intestinais
A diarreia inconveniente ou a prisão de ventre não são problemas causados apenas pela alimentação inadequada. Em alguns casos, a depressão pode afetar o funcionamento do intestino, pois dificulta a transmissão de informações do cérebro.

Leia Também:  Saiba mais sobre o Projeto Turístico Roda SP

Transtornos alimentares
Quem sofre de depressão tem fortes chances de desenvolver algum transtorno alimentar, abusando da quantidade de comida (obesidade) ou evitando o consumo de alimentos para não engordar (anorexia e bulimia).

Aparecimento de herpes
Como a depressão favorece a diminuição da imunidade, ela favorece o surgimento de herpes.

Dores musculares
A pessoa deprimida tende a ter uma postura desleixada, o que acaba gerando tensão nos músculos. A dificuldade de oxigenação e vascularização é responsável por causar dor e desconforto no corpo.

A depressão pode causar dores musculares. (Foto:Divulgação)

Sobre a depressão

A depressão se manifesta como uma tristeza com longa duração. Por causa deste sentimento negativo, o indivíduo não consegue levar uma vida normal. Entre os principais sintomas da depressão, vale ressaltar a preocupação exagerada, o estresse, a culpa, o pessimismo, a irritabilidade, a dificuldade de concentração e a solidão.

Veja também: As profissões que mais causam depressão

Top