Comer maçã e pera reduz os riscos de AVC

Que uma boa alimentação e um cardápio variado entre frutas e legumes ajudam a manter o corpo mais saudável, isso todos já sabem, mas…

Que uma boa alimentação e um cardápio variado entre frutas e legumes ajudam a manter o corpo mais saudável, isso todos já sabem, mas a importância que cada um tem para o organismo é mais difícil de saber. Algumas frutas são de extrema importância para o coração e as artérias como é o caso da maçã e da pêra.

Um longo estudo que foi desenvolvido na Holanda na Universidade de Wageningen ficou comprovado que consumir frutas com a polpa branca em questão a “maçã e a pera” pode diminuir o risco de as pessoas contraírem Acidente Vascular Cerebral, ou AVC. As proteínas estão refletidas na cor da poupa dessas frutas com a presença de fitoquímicos que são benéficos para a saúde como, carotenóides e flavonóides.

Mas para chegar a essa conclusão foi preciso vários meses de estudo com pessoas entre as idades de 20 a 65 anos, foi analisado tudo o que elas comiam diariamente. Foi concluído que as pessoas que consumiram as frutas tiveram 50% de redução nos riscos de ter um AVC.

Foi também descoberto pelos estudiosos que a cada vinte e cinco gramas de ingestão diária de alimentos com a polpa branca como frutas e legumes que contenham essas substâncias é o suficiente para reduzir os riscos de AVC em nove por cento. Como a maçã tem em media 120 gramas, significa que os riscos também diminuem muito para quem consumir uma maçã por dia fica em torno dos 40%.

De acordo com as pesquisas feitas uma maçã por dia já é o suficiente para reduzir bastante os riscos, mas também é indispensável ter outros alimentos com polpa branca na dieta, eles protegem contra doenças crônicas que afetam o organismo. Entre eles estão: além da maçã e da pêra, chicória, banana, couve flor e pepino.

Leia Também:  Laranja ajuda a evitar o AVC

O ideal é consumir frutas, verduras e legumes variados na dieta para que os efeitos sejam mais notórios no organismo e para que ele esteja protegido contra as doenças.

Sintomas de AVC

Entre os sintomas de AVC estão incluídos os seguintes: aperto, pressão ou dor no peito, falta de ar, náuseas, vômitos, tontura, vertigem, sudorese e mal estar nas partes superiores do corpo como: braços, ombros, pescoço e costas. O AVC é mais comum em homens, os riscos aumentam na idade entre 45 anos e nas mulheres com idade acima de 55 anos ou na menopausa.

Prevenção

Como prevenção contra o AVC é preciso ter uma vida saudável praticar esportes e ter uma alimentação a base de frutas, legumes e verduras. Evitar cigarros, bebida alcoólica, sedentarismo, stress e comidas gordurosas. Obedecendo essas dicas fica mais fácil ter uma vida saudável  e viver por muito mais tempo.

Para algumas pessoas é muito difícil poder controlar o estresse pelo fato de estarem vivendo em cidades grandes como São Paulo. A correria do dia a dia e a pressão psicológica com que vivem os moradores fazem com que o numero de mortes por AVC aumente nesse estado. O ideal é tirar férias uma vez por ano e sair para relaxar e procurar lugares calmos longe da vida agitada da cidade grande. E outro detalhe muito importante é o convívio familiar, que ajuda a trazer tranqüilidade e confiança em si mesmo elevando a autoestima.

Top