Com um a menos, Corinthians derrota o Avaí e reassume a ponta

Do jeito que a Fiel gosta. Assim pode ser classificada a vitória do Corinthians por 2 a 1 sobre o Avaí, neste domingo, no…

Por Redacao em 31/10/2011

Atacante Emerson foi o autor do primeiro gol da vitória do Corinthians sobre o Avaí

Do jeito que a Fiel gosta. Assim pode ser classificada a vitória do Corinthians por 2 a 1 sobre o Avaí, neste domingo, no Pacaembu. Depois de estar perdendo por um a zero, gol de Robinho, o Timão viu as coisas se complicarem ainda mais no início da segunda etapa, com a expulsão do zagueiro Leandro Castán. Porém, mesmo com um a menos, Emerson marcou o primeiro e Liedson garantiu a virada corintiana. Agora, o Timão volta a ser o líder do Brasileirão, com 58 pontos.

Avaí sai na frente

O começo da partida no Pacaembu foi bastante sonolento. Com as duas equipes errando uma quantidade excessiva de passes e sem criatividade no setor de armação, as jogadas ofensivas demoraram a sair. O Corinthians sentia falta de seu maestro Alex. Já o Avaí priorizava a marcação.

No entanto, foi o Avaí quem abriu o marcador em sua primeira investida ao ataque. Lincoln achou William dentro da área, o atacante dominou e rolou para Robinho encher o pé sem chances para o goleiro Julio César: 1 a 0 Avaí.

Atrás no placar, o Timão saiu para o jogo e quase empatou com Liedson. O atacante recebeu a bola dentro da área, emendou uma bicicleta, mas mandou a bola pela linha de fundo. Com a necessidade da vitória, o Corinthians foi para cima do Avaí e tentava chegar ao gol de empate, principalmente com William pelo lado direito.

O problema é que apenas a disposição não era suficiente para fazer o Corinthians chegar ao gol de empate. Desorganizado no setor ofensivo, o Timão sentia falta de um meia criativo e encontrava enormes dificuldades para articular as jogadas no campo de ataque.  Por sua vez, a equipe catarinense se defendia bem no campo de defesa e apostava nos raros contra-ataques para tentar ampliar o marcador.

Somente aos 41, o Timão voltou a ameaçar o gol dos catarinenses. Danilo puxou ataque pelo lado esquerdo e tocou para o lateral Fabio Santos, dentro da área, bater de primeira para defesa do goleiro Felipe.

Timão fica com um a menos

A situação do Corinthians, que já era difícil, ficou ainda pior aos cinco da etapa final. O Avaí puxou um contra-ataque rápido, Lincoln partiu em velocidade e foi parado pelo zagueiro Leandro Castán. Como Castán era o último jogador de marcação do Corinthians, o árbitro expulsou o zagueiro corintiano.

Aos 12, a equipe catarinense quase marcou o segundo gol. Lincoln lançou para William, que entrou na área e encheu o pé para ótima defesa do goleiro Julio César.

Na base da velocidade, o Corinthians chegou ao empate aos 16. William partiu com a bola dominada, fintou dois adversários e deu um passe açucarado para Emerson fuzilar o goleiro Felipe e deixar tudo igual no Pacaembu.

Mesmo com um jogador a menos em campo, o Corinthians continuou em cima da equipe catarinense na busca desesperada do gol da vitória. Bem no jogo, Emerson infernizava a zaga do Avaí com dribles em velocidade.

Virada corintiana

E não demorou muito para o Timão virar o placar. Emerson bateu escanteio para a área e depois de uma confusão, Liedson cabeceou, o goleiro Felipe espalmou, a bola bateu nas costas do zagueiro e entrou: virada corintiana no Pacaembu.

O Avaí quase deixou tudo igual novamente, aos 35. A bola foi alçada na área, Robert desviou e mandou para fora. Aos 43, o time catarinense teve tudo para empatar, mas a zaga corintiana afastou o perigo em cima da linha.

Top