Com a Libertadores na mira, Grêmio recebe o Santos no Olímpico

Com a Libertadores na mira, Grêmio recebe o Santos no Olímpico

Tricolor gaúcho luta para manter vivo o sonho de obter uma vaga no torneio continental. Jogo marca reencontro do atacante Borges com o Grêmio

Por Redacao em 05/10/2011

Contra o Santos, Celso Roth tenta manter bom aproveitamento do Grêmio em casa

A campanha do Grêmio no segundo turno do Brasileirão é tão animadora, que o elenco já acredita na conquista de uma vaga para a Copa Libertadores do ano que vem. Na 12ª posição, com 36 pontos, o Tricolor está a oito pontos do G-5. E a situação pode ficar bastante favorável em caso de vitória diante do Santos, em jogo remarcado para esta quarta, às 20h30, no estádio Olímpico, o que diminuiria a diferença para cinco pontos.

Por sua vez, o Santos, já garantido na próxima Libertadores por ser o atual campeão, possui dois jogos a menos, mas está a 15 do líder, fato que deixa a equipe longe de brigar por algo maior no Brasileirão.

Tricolor imortal no Olímpico

Dono da segunda melhor campanha do segundo turno é inegável a melhora técnica do Grêmio desde que o técnico Celso Roth assumiu o comando da equipe. A principal arma do treinador nessa recuperação gremista é o estádio Olímpico. Em seis partidas sob o comando de Celso Roth, o Grêmio conquistou cinco vitórias e apenas uma derrota em seu estádio, aproveitamento de 83,3%.

Para faturar a sexta vitória em casa, o técnico Celso Roth terá apenas um desfalque contra o Santos. O jovem atacante Leandro, concentrado para a disputa dos Jogos Pan-Americanos com a Seleção Brasileira, está fora. Sem baixas por lesão ou suspensão, a expectativa é que Roth escale a mesma equipe que venceu o Cruzeiro por 2 a 0 na última rodada. A única dúvida é no setor ofensivo. O treinador ainda não confirmou quem será o comandante de ataque. Brandão e André Lima disputam a vaga.

Borges retorna ao Olímpico

O duelo diante do Grêmio vai fazer o atacante Borges relembrar de um passado recente. Ainda neste ano, o atacante defendia o Tricolor gaúcho, mas depois de conviver com uma série de problemas e ter sua qualidade questionada, Borges foi negociado com o Santos, em uma troca que envolveu o meia Marquinhos. Para azar dos gremistas, com a camisa do Santos, o atacante se tornou o artilheiro do Brasileirão, com 19 gols.

Principal esperança de gols dos santistas para o jogo dessa noite, Borges não terá a companhia de Neymar no comando de ataque. Isso porque o craque do Peixe está com a Seleção Brasileira para a realização de dois amistosos internacionais.

Com a ausência de Neymar, o técnico Muricy Ramalho deve abandonar o esquema com três jogadores de frente e reforçar o meio de campo com Ibson.

Sem jogar a toalha em relação às chances de título, o elenco santista encara a partida diante do Grêmio como decisiva para as pretensões do time no torneio. Para o meio-campista Elano, apesar de a situação ser desfavorável, a conquista do troféu ainda é uma realidade. “O título ainda é possível. Sabemos que é difícil pela diferença de pontos, mas, se formos pensar, no futebol tudo é possível. Se pensarmos em título agora seríamos otimistas demais. Temos que pensar primeiro na vitória para depois sonharmos com o troféu”, disse o meia ao site oficial do Santos.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO X SANTOS

Grêmio: Victor; Mário Fernandes, Edcarlos, Rafael Marques e Julio Cesar; Fábio Rochemback, Fernando, Douglas, Marquinhos e Escudero; Brandão (André Lima). Técnico: Celso Roth

Santos: Rafael; Danilo, Edu Dracena, Durval e Léo; Henrique, Arouca, Ibson e Elano; Alan Kardec e Borges. Técnico: Muricy Ramalho

Árbitro: Pablo dos Santos Alves (ES)

Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (RJ) e Fabiano da Silva Ramires (ES)

Top