Cirurgias plásticas aumentam no inverno

Nem sempre o sinônimo de corpo perfeito é academia e alimentação saudável. Algumas pessoas fazem uso do bisturi para esculpir formas que antes não…

Por Élida Santos em 14/05/2012

O procedimento cirurgico é mais realizado no inverno (Foto: Divulgação)

Nem sempre o sinônimo de corpo perfeito é academia e alimentação saudável. Algumas pessoas fazem uso do bisturi para esculpir formas que antes não existiam. Para poder colocar o biquíni ou sunga sem medo, algumas pessoas apelam para as cirurgias plásticas no outono e inverno (épocas do ano em que se usa pouco trajes de banho e roupas curtas), que são épocas do ano em que os consultórios médicos que efetuam esses procedimentos ficam 40% mais cheios.

Leia também: Curiosidades sobre a cirurgia plástica

Os principais procedimentos solicitados para ficar com o corpo na forma perfeita são: lipoaspiração, aumento dos seios, abdominoplastia e correções no nariz e nas pálpebras. De acordo com dados recentes divulgados pela Sociedade Internacional de Cirurgiões Plásticos Estéticos, os mais de 5 mil cirurgiões plásticos brasileiros realizaram 1,6 milhão de cirurgias em 2009, sendo quase 17% de todos os procedimentos cirúrgicos realizados no Brasil.

Proteses nos seios estão entre os procedimentos mais procurados (Foto: Divulgação)

O país do futebol também pode ser chamado da nação das cirurgias plásticas. Atualmente o total de plásticas realizadas em solo tupiniquim coloca o Brasil na segunda posição do ranking, sendo que 1.592.106 procedimento acontecem todos os anos, ficando atrás somente dos Estados Unidos, com 1.620.855. E para quem acha que plástica é coisa de mulher, saiba que os homens estão cada vez mais preocupados com a sua aparência.

Leia também: Mitos e verdades sobre cirurgia plástica

O aumento no volume de pacientes que procurando procedimentos de correções estéticas aumenta nessa época do ano (entre maio e agosto) por razões médicas. Os três meses que separam o período do verão são suficientes para as pessoas recém-operadas se recuperarem plenamente e evitarem os efeitos potencialmente nocivos do sol e do calor durante o pós-operatório, como por exemplo, manchas na pele.

O rosto também é mudado nesse periodo mais frio do ano (Foto: Divulgação)

Os dias abafados da estação mais quente do ano ainda representam um incômodo extra para quem se submete a uma cirurgia plástica, já que a cinta utilizada depois da operação é grossa, apertada e esquenta muito. A também a questão das férias escolares, já que os pacientes podem ficar em repouso por mais tempo, sem ter que buscar os filhos no colégio, se recuperando da cirurgia plástica rapidamente. Por isso, se você quer ficar linda, ou lindo para o verão, essa é a hora de começar uma boa dieta ou procurar um bom cirurgião plástico, mas não se esqueça que a segundo opção exige uma manutenção que acontece por meio de uma alimentação saudável e exercícios físicos.

Top