Cintos de Onça – Modelos e Onde comprar

Em São Paulo é bem fácil encontrar os cintos de animal print. Estampas que referenciam onças, vacas, zebras, leopardos e afins fazem parte do…

Em São Paulo é bem fácil encontrar os cintos de animal print. Estampas que referenciam onças, vacas, zebras, leopardos e afins fazem parte do figurino dos emos e hards e estão à venda nos camelôs do Centro e em toda e qualquer loja da tão famosa Galeria do Rock. É bom saber, porém, que as estampas de animais estão em alta neste inverno. Aliás, alguma vez elas caíram de moda? Enfim, oncinhas, zebrinhas e tantos outros bichos estampam roupas e acessórios de muitas grifes nesta temporada. Mas e se você não é emo nem hard, também pode usar? Com certeza! Afinal, este tipo de print combina com todos os estilos, idades e sexo. Para não errar no figurino ou tirar suas dúvidas de uma vez por todas, este post tem como objetivo indicar as melhores combinações considerando seu tipo físico, visual e gosto pessoal. Aproveite!

Primeiramente, vale lembrar que não existe apenas um modelo de cinto de estampa animal. Além do mais tradicional, que pode ser encontrado com corpo liso, de pelúcia ou pele fake, geralmente feito de couro original ou sintético, existem outras opções, como as variações de couro em modelos fininhos ou mais grossos, versões em stretch, cintos lisos com a fivela estampada ou até mesmo lenços, que fazem às vezes do cinto.

Com saia ou calça

Qual o ideal para você? Isso varia conforme a ocasião e seu tipo físico. Adolescentes ficam melhor com o modelo tradicional e podem usá-lo à vontade com jeans (calça, short ou saia). Atenção para a composição do look. O cinto já é estampado e por mais que você goste de cor, opte por peças mais lisas para combiná-lo. A camiseta pode ser estampada também, mas de preferência para frases ou desenhos divertidos, evitando outras referências animais. Evite também os cintos largos demais e os lenços, que ficam melhor em mulheres mais velhas.

Leia Também:  Unhas de vaquinha, como fazer

Para as jovens

Se você já passou dos 20 e poucos anos, quer usar o cinto estampado e não é adepta de um visual tão formal, as combinações são várias. Se optar por um vestido longo e soltinho, marque a cintura com os cintos mais fininhos. Se for alta, coloque-o na altura dos quadris e se for mais baixinha, deixe-o pouco abaixo dos seios. Gordinhas, não deixem o cinto muito apertado. Vocês podem usá-lo à vontade, mas na medida ideal que pretendem demarcar ou até mesmo um passante mais frouxo.

Rihanna e Emma Watson

Se a pedida for por vestidos justinhos ou roupas mais aderentes – como a saia envelope ou lápis, por exemplo, o melhor são os cintos largos, de stretch ou corset. As mais baixas devem evitar este modelo, senão o resultado será uma cintura achatada. Já às altas, usem o quanto quiserem. Gordinhas podem tê-lo como aliado para definir a silhueta, mas a dica continua a mesma, não use-o apertado, nem mesmo o estilo corset, senão as gordurinhas pulam para fora e você parecerá uma mortadela!

Claudia Schiffer, Christina Aguilera e Olivia Palermo

Outras combinações para mulheres entre 20 e 40 anos, donas de estilo mais casual, é usá-lo com calças (jeans ou sarja, nunca alfaiataria) e shorts também. A estampa é capaz de transformar looks básicos, como jeans em camiseta em grande produção. Sendo assim, muita atenção na hora de escolher com que roupa você vai combinar o cinto. A Dior já desfilou um look inteiramente de animal print. Ficou bonito? Sim, só na passarela. E outra coisa, Dior… é Dior e não se discute, mas não tente fazer o mesmo.

Mulheres acima do peso devem evitar a combinação temerosa de calça cintura alta ou hot pants com os cintos de animal print. Jessica Simpson testou o look quando estava com alguns quilinhos acima do peso e até hoje deve se arrepender disso.

Leia Também:  Loja do Pânico Camisetas

Over: Dior e Jessica Simpson

Mulheres acima dos 40 anos ou donas de um estilo mais formal – ou se você não se encaixa em nenhuma dessas opções, mas quer usar o cinto de oncinha para ir ao escritório – o ideal é optar pelos modelos mais fininhos ou pelos que combinam a estampa com pedrarias. Neste caso, um vestidinho na altura dos joelhos (preto, vermelho ou cinza), podem muito bem ter a cintura marcada pelo cinto – e ainda tem o terninho para dar mais discrição ao visual. Em festas, os modelos largos ou stretch vão bem com vestidos midi, tanto soltos como justinhos.

Look formal

E os rapazes? Jamais apostem na combinação do cinto estampado com terno e gravata. No caso de vocês, a animal print cai bem apenas em looks mais casuais. Jeans com camisa ou camiseta, por exemplo, é uma boa pedida.

Menino de Harajuku

Na loja virtual Belt Planet (http://www.beltplanet.com/Womens-Belts/Animal-Print-Belts/Page-1-50.html), opções atuais prometem agradar a todos os gostos e bolsos. Confira!

Top