Cientistas Recriam Imagens a Partir das Atividades Cerebrais

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, em Berkeley, conseguiram desenvolver um mecanismo capaz de recriar imagens a partir do cérebro de seus observadores. Os resultados…

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, em Berkeley, conseguiram desenvolver um mecanismo capaz de recriar imagens a partir do cérebro de seus observadores. Os resultados são imagens borradas, mas que já apresentam algum significado expressivo.

Para o experimento, três pacientes foram submetidos a um equipamento de ressonância magnética durante horas enquanto assistiam uma série de vídeos diferentes. Esse era responsável por medir o fluxo sanguíneo do cérebro em diversas áreas diferentes do córtex visual.

Em um primeiro momento, os sinais captados pelo equipamento eram comparados com as imagens reais do vídeo com a ajuda de um modelo computacional. A partir do banco de dados criado para cada paciente, em um segundo momento o monitoramento do córtex visual era convertido diretamente em imagens.

Apesar dos vídeos recriados serem pouco nítidos, o resultado do experimento é bastante promissor para a ciência. Com o avanço do campo, poderemos recriar imagens que não existem no mundo real (como a dos sonhos) ou permitir uma nova forma de comunicação para portadores de necessidades especiais ou vítimas de AVC.

Top