Cientistas descobrem planeta que pode abrigar vida

Cientistas do Observatório Europeu do Sul, usando o telescópio Harps, no deserto do Atacama, no Chile, descobriram um planeta que possivelmente pode abrigar vidas.…

Cientistas do Observatório Europeu do Sul, usando o telescópio Harps, no deserto do Atacama, no Chile, descobriram um planeta que possivelmente pode abrigar vidas. O planeta HD85512b (como foi nomeado cientificamente) orbita uma estrela da constelação de Vela e está a 36 milhões de anos-luz da Terra.

Para chegar a esta conclusão foram levadas em considerações algumas características, como por exemplo as temperaturas quentes do planeta, que variam entre 30 e 50 graus centígrados. Uma semelhança com a Terra é a umidade que também está presente no planeta descoberto. Possui uma massa de 3,6 maior que a do nosso planeta e está situado em uma região que os cientistas classificam como “habitável”.

Junto com o HD85512b foram descobertos outros 49 planetas, totalizando 50. Dessa lista, 16 são considerados como super-Terra, ou seja, planetas com uma massa maior que a Terra, porém menor que a de gigantes gasosos como Júpiter, que não possibilitam a existência de vidas.

Cinco planetas servirão como estudo intensivo dos cientistas, pois estes não possuem massa de 5 vezes maior que a Terra. Futuros telescópios examinarão estes planetas integralmente na busca de sinais de vidas.

A descoberta científica foi divulgada em um evento de astrônomos nos Estados Unidos e logo será publicada na Revista Cientifica Astronomy and Astrophysics.

Top