Cicatriz da BCG: saiba mais

Cicatriz da BCG: saiba mais

A vacina BCG está presente no calendário de vacinação da rede pública de saúde da criança, sendo aplicada para imuniza-las contra a tuberculose e…

Por Editorial MDT em 07/07/2013

A vacina BCG está presente no calendário de vacinação da rede pública de saúde da criança, sendo aplicada para imuniza-las contra a tuberculose e suas formas graves. Essa vacina deixa uma cicatriz que gera muitos mitos e verdades. Saiba mais sobre a cicatriz da BCG.

A cicatriz da BCG é normal. (Foto: divulgação)

Indicação da BCG

A vacina BCG é oferecida para crianças com no mínimo 2 quilos, em dose única e logo após o nascimento. A Organização Mundial de Saúde não recomenda a revacinação com o remédio. Depois da aplicação da vacina, é comum que apareça no braço direito uma pequena lesão avermelhada em 2 a 6 semanas. A partir daí ela começa a diminuir, formando uma pequena cicatriz.

Não deve ser usado nenhum tipo de medicamento na casquinha e ela também não deve ser retirada. Na ausência da cicatriz vacinal seis meses depois da aplicação, a vacina deve ser repetida. A tuberculose é uma doença transmissível que passa de pessoa para pessoa através da saliva e afeta principalmente os pulmões. A doença é grave em crianças pequenas, desnutridas e portadores de AIDS. A melhor forma de prevenir a tuberculose e seus sintomas é através da vacinação.

A vacina BCG imuniza a criança contra a tuberculose. (Foto: divulgação)

Cicatriz da BCG

A ferida causada pela aplicação da BCG pode durar dias ou até algumas semanas, geralmente, não há dor no local da picada. Ela forma uma bolinha com pus, de alguns milímetros de diâmetro que é considerada normal.

Algumas crianças podem apresentar reações mais intensar, com feridas purulentas maiores e até gânglios na região axilar. Nesses casos, é necessário procurar o médico para indicar o uso de antibióticos. Pode ocorrer também infecção secundária no local aplicado. Porém, esses casos são raros.

Existe somente uma situação alarmante relacionada com a BCG e não se trata de dor local. Os bebês com problemas de imunidade celular podem apresentar infecção grave que deve ser tratada imediatamente. Entretanto, na maioria dos casos, os cuidados com lavagem na hora do banho, são suficientes para lidar com a ferida ate que ela cicatrize. Jamais devem ser usadas pomadas ou outros medicamentos na ferida.

A BCG é feita por via intradérmica. (Foto: divulgação)

As vacinas indicadas para cada idade são essenciais para proteção das crianças. A BCG é aplicada logo após o nascimento e forma uma pequena cicatriz que é considerada normal. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a inflamação causada não é grave e sim considerada normal. Toda criança deve ter a cicatriz vacinal para garantir que está imune contra a tuberculose.

Top