Cão intoxicado: sintomas, o que fazer

A intoxicação de animais de estimação não é algo raro de se encontrar nas clínicas veterinárias. Ela pode acontecer de forma acidental ou criminosa. A primeira surge quando o animal ingere plantas tóxicas, medicamentos, venenos ou ainda é picado por animais peçonhentos.  Saiba mais sobre o assunto e veja o que fazer com cão intoxicado.

A intoxicação de cães pode ser causada por vários fatores. (Foto: divulgação)

Cão intoxicado

A intoxicação pode ocorrer de maneira acidental pela inalação de produtos tóxicos. Porém, em alguns momentos o animal, por curiosidade ou desatenção, pode entrar em contato com substâncias tóxicas presentes na residência. Nos casos de intenção criminosa, o agente tóxico normalmente está disfarçado e atua de forma rápida, geralmente levando à morte.

Em casos de intoxicação, o tratamento imediato é muitas vezes indispensável para salvar a vida do cão. Os venenos que os cães absorvem com maior frequência são raticidas, organoclorados e organofosforados (inseticidas). É preciso saber como fazer os primeiros socorros em casos de envenenamento de cães.

Sintomas de cão intoxicado

Sabemos que existe uma infinidade de substâncias que podem provocar intoxicação e sinais clínicos variados, dentre eles podemos citar os mais frequentes:

  • Alteração de estado de consciência;
  • Sintomas gastrintestinais;
  • Tremores;
  • Hemorragias;
  • Dificuldades respiratórias;
  • Alterações do ritmo cardíaco.

Os sintomas de intoxicação dependem das substâncias tóxicas, da quantidade ingerida e de certas características que o animal ingeriu. Em casos de suspeita de intoxicação, preste atenção se está faltando algum produto da dispensa, se existem plantas arrancadas ou destruídas no jardim, samambaia e copo de leite.

Os cães devem ser tratados com cuidado. (Foto: divulgação)

O que fazer com o cão intoxicado

A primeira medida a ser tomada nesses casos é isolar a causa do problema, se você tiver identificado, procure com urgência um profissional. Se conhecer o produto ingerido, ligue imediatamente para um centro toxicológico ou para o veterinário.

Se eles indicarem um antídoto, aplique imediatamente no cão. Caso desconheça a natureza do veneno, impeça a absorção dando algo para eliminar a toxicologia.

É preciso ficar de olho nos sintomas da intoxicação do cão. (Foto: divulgação)

O envenenamento doméstico pode ser prevenido através de um cuidado maior com o animal de estimação. Caso o bichinho tenha sido envenenado é essencial procurar o médico veterinário para analisar o caso e tratar o problema da maneira adequada e rápida.

5 Comments - Add Comment

Reply