Brasil tem quase 255 milhões de linhas de celulares Brasil tem quase 255 milhões de linhas de celulares

Brasil tem quase 255 milhões de linhas de celulares

De acordo com informações da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), o Brasil tem aproximadamente 255 milhões de linhas de celulares ativas. Esta quantidade tende…

Por Isabella Moretti em 20/06/2012

São em média 255 milhões de linhas de celulares ativas no Brasil.

De acordo com informações da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), o Brasil tem aproximadamente 255 milhões de linhas de celulares ativas. Esta quantidade tende a aumentar nos próximos meses, pois o número de adesões está crescendo gradualmente.

Saiba mais: Brasil tem mais de 250 milhões de linhas de celular

Cresce o número de linhas ativas no Brasil

Somente no mês passado, os brasileiros aderiram 1,97 milhão de novas linhas de telefonia móvel. Em números absolutos, o aumento de celulares ativos em maio foi 0,78% maior do que abril. Em comparação a 2011, o número de linhas de celulares no Brasil cresceu surpreendentemente, passando de 215.024.630 para 254.948.934.

O levantamento da Anatel também avaliou os tipos de linhas mais usadas pelos brasileiros. Segundo os dados coletados pela pesquisa, 82% do total corresponde aos aparelhos pré-pagos, enquanto apenas 18% são planos pós-pago. Outra conclusão da Anatel ao avaliar as informações do estudo é que há mais de uma linha de celular para cada habitante do Brasil, pois a cada 100 brasileiros, 129 têm um número ativo.

Mais celulares do que habitantes

A cada 100 brasileiros, 129 têm um número ativo.

A Agência Nacional de Telecomunicações também procurou analisar a teledensidade de cada região do País. Com base na pesquisa, o Nordeste aparece como a área do Brasil com a menor quantidade de linhas de celulares para cada 100 habitantes. Por outro lado, a região Centro-Oeste apresentou a maior teledensidade de todo o país. O Sudeste, o Sul e o Norte aparecem consecutivamente na relação.

O Distrito Federal se destacou na pesquisa como o único estado a superar o número de duas linhas para cada habitante. Por outro lado, o Maranhão foi a única unidade federativa que não ultrapassou o número de acessos por habitantes.

Confira exatamente os números da pesquisa da Anatel sobre teledensidade:

Nordeste: 112,64 linhas para cada 100 habitantes.

Norte: 115,86 linhas para cada 100 habitantes.

Sul: 130,29 linhas para cada 100 habitantes.

Sudeste: 139,64 linhas para cada 100 habitantes.

Centro-Oeste: 155,83 linhas para cada 100 habitantes.

A Vivo é líder no Brasil

A Vivo tem mais de 75 milhões de linhas de celulares ativas.

A pesquisa realizada pela Anatel ainda avaliou a participação das principais operadoras no mercado de telefonia móvel. De acordo com o levantamento, a Vivo se mantém na primeira posição, com 29,63% dos acessos e 75.538 milhões de linhas de celulares ativas. O segundo lugar no ranking é o ocupado pela TIM, com uma fatia de mercado igual a 26,88% e 68.536 milhões de números de celulares.

A terceira operadora que detém o maior número de linhas de celulares é a Claro, com 24,59%, seguida pela Oi, que possui 18,59%. CTBC (0,28%) e Sercomtel (0,03%) também tiveram uma pequena participação no ranking.

A Anatel também concluiu que a tecnologia GSM é a mais adotada pelas operadoras de celulares, com 77,43% de atuação no mercado de telefonia.

Veja também: Ranking de celulares no Brasil 2012

Top