Brasil tem a 3º maior taxa de homicídios da América do Sul

De acordo com relatório da ONU (Organização das Nações Unidas) o Brasil tem o terceiro maior índice de homicídios da América do Sul, atrás…

De acordo com relatório da ONU (Organização das Nações Unidas) o Brasil tem o terceiro maior índice de homicídios da América do Sul, atrás somente da Venezuela e da Colômbia.

O relatório “Estudo Global sobre Homicídio” da Agência da ONU para Drogas e Crime foi divulgado nesta quinta-feira (6) e os dados informam que no Brasil aconteceram em 43.909 homicídios em 2009. Isso equivale a um índice de 22,7 homicídios a cada 100 mil habitantes. Os lideres deste ranking macabro, Venezuela e Colômbia têm taxas de 49 e de 33,4, respectivamente. Já aqueles com as menores taxas são Chile (3,7), Peru (5,2), Argentina (5,7) e Uruguai (6,1).

De acordo com informações do portal G1, a metodologia de pesquisa excluiu mortes que acontecem por pena de morte ou intervenções policiais autorizadas, chamadas de intervenções legais, e também as mortes que ocorrem em situações consideradas de guerra ou de insurreições civis.

De acordo com o portal IG, levando em consideração a taxa de homicídios a cada 100 mil habitantes, o Brasil fica em 24º lugar da lista que traz como primeiro lugar Honduras com índice de 82,1, seguido de El Salvador (66) e Costa do Marfim.

Porém, segundo informações do portal G1, contando os números absolutos o Brasil está em primeiro lugar não somente na América do Sul, mas também do mundo. O Brasil é tem a maior população do continente e é o quinto mais populoso do mundo. Com o índice de 43,909 pessoas mortas de forma intencional em um ano, enquanto a Índia, que ficou em segundo lugar teve 40.752 mortes em 2009.

Destaque para São Paulo

O estudo da ONU realizou um comparativo da evolução dos índices dos últimos anos nas cidades de países pesquisados, e no caso brasileiro, São Paulo foi usado como exemplo, já que no período de 2001 e 2009, a taxa local de homicídios caiu de 120 para pouco mais de 40, entre cada mil habitantes. O sucesso foi atribuído a implementações de políticas de prevenção de crimes urbanos.

Continuar Lendo  Filme: Alice no País das Maravilhas Tim Burton

Top