Bolsas de Estudo: Programa de Inclusão Social

Muitos estudantes desejam não parar os estudos após terminar o ensino médio, porém a falta de dinheiro para custear uma faculdade acaba obrigando alguns…

Muitos estudantes desejam não parar os estudos após terminar o ensino médio, porém a falta de dinheiro para custear uma faculdade acaba obrigando alguns a parar de estudar e iniciar sua vida profissional em funções que não gostaria. Hoje em dia há muitas possibilidades para quem não tem dinheiro continuar os estudos e formar-se no ensino superior. O Governo Federal e também os Estaduais sedem bolsas de estudo para jovens carentes através de diferentes programas. Confira as oportunidades oferecidas pelo Programa de Inclusão Social:

Programa de Inclusão Social – Bolsas de Estudo

A Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), responsável pelo processo seletivo da Universidade de São Paulo (USP), declarou no dia 29 de abril, terça-feira que irá distribuir 180 bolsas de estudo para alunos que passaram com bom desempenho no vestibular 2008 e que tenham estudado na rede pública de ensino.
As 180 bolsas de estudo oferecidas serão distribuídas da seguinte forma: 135 são para estudantes dos campi de São Paulo, 24 para os de Ribeirão Preto, 11 para São Carlos, cinco para Piracicaba, duas para Lorena, duas para Pirassununga e uma para Bauru.
As bolsas de estudo serão distribuídas para estudantes que cursaram o ensino médio em escola pública e que obtiveram isenção da taxa do vestibular. Para pode escolher os beneficiados foi analisada a proporção, nos diferentes campi, do número de alunos provenientes da rede pública. E com isso, foi usado o critério de mérito.

As bolsas de estudo são formas de ajudar os estudantes a terminar sua formação. (Foto: divulgação)

Os estudantes irão receber durante um ano uma bolsa mensal de R$ 250, sem direito de renovação. Essa decisão faz parte do Programa de Inclusão Social da USP (Inclusp), que até o último vestibular tinha como uma das principais medidas conceder 3% de bônus nas provas da primeira e da segunda fase para os candidatos que fizeram o ensino médio integralmente em escolas públicas.
No começo do mês, a USP declarou as regras da avaliação seriada, que será considerada na nota do vestibular para ingresso em 2009. As mudanças no processo seletivo também fazem parte do Inclusp e podem render até 9% na nota do vestibular para alunos de escolas públicas estaduais.
Conforme a Fuvest, as comissões de graduação das unidades estarão orientando os estudantes em relação às providências necessárias para receberem o benefício.

Leia Também:  A Falta de Sono faz Mal as Mulheres

Unidades de educação e número de bolsas de estudo

Campi da capital
Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) – 1
Escola de Comunicações e Artes (ECA) – 15
Escola de Enfermagem (EE) – 2
Escola Politécnica (EP) – 13
Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) – 5
Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) – 6
Faculdade de Direito (FD) – 6
Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) – 14
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) – 32
Faculdade de Medicina (FM) – 3
Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) – 3
Faculdade de Saúde Pública (FSP) – 3
Instituto de Biociências (IB) – 11
Instituto de Física (IF) – 4
Instituto de Matemática e Estatística (IME) – 6
Instituto de Psicologia (IP) – 4
Instituto de Química (IQ) – 6
Instituto de Relações Internacionais (IRI) – 1
Campi do interior
Escola de Engenharia de Lorena (EEL) – 2
Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) – 5
Escola de Comunicações e Artes – Ribeirão Preto (ECARP) – 1
Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) – 1
Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) – 4
Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA) – 2
Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) – 5
Faculdade de Direito de Ribeirão Preto (FDRP) – 1
Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEARP) – 4
Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) – 11
Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) – 1
Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) – 1
Instituto de Ciências Matemáticas de São Carlos (ICMSC) – 1
Instituto de Física de São Carlos (IFSC) – 3
Instituto de Química de São Carlos (IQSC) – 3

Leia Também:  Casas para Alugar no Litoral Sul

Top